As 10 Melhores Duplas da Década

10 – Clara e Miguel – Tudo Novo de Novo
A série não conseguiu engatar mais do que uma temporada, apesar de dar audiência satisfatória (em torno de 16 pontos) e manter a Globo com liderança folgada, mesmo numa sexta-feira a noite. Mas definitivamente Clara (Julia Lemmertz) e Miguel (Marco Rica) conquistaram o público e mostraram um jeito muito lindo de um casal se relacionar numa dramédia muito bem colocada pela emissora. Cenas leves, texto divertido e uma relação amadurecida, bem resolvida, apesar de todas as circunstâncias contrárias, pautaram esta dupla dinâmica.


9 – Safira e Pascoal – Belíssima
Das duplas mais divertidas da TV nos últimos anos. Sílvio de Abreu, sem dúvida, estava inspiradíssimo ao escrever este núcleo de Belíssima (e toda a novela, claro). Safira (Cláudia Raia) e Pascoal (Reynaldo Gianecchinni) combinavam como poucos personagens combinaram na história das novelas brasileiras e, juntos ou separados, produziam cenas geniais de humor leve, mesmo sendo sensual, inocente e até sem noção algumas vezes. Momentos únicas marcaram a história desta dupla genial.
8 – Flora e Donatela – A Favorita
Sim, elas nunca foram um casal, mas sempre, definitivamente sempre foram uma dupla. E muito mais do que ser Faísca e Espoleta, a cumplicidade, o amor e a possessividade na relação entre Flora (Patrícia Pilar) e Donatela (Cláudia Raia) formaram a grande premissa de A Favorita. Desde o primeiro capítulo era possível ver que, mesmo separadas como dupla e como amigas, ambas tinham um relação forte, de amor e ódio, de dependência que as impediam de se separarem, de cortarem a profunda ligação que sempre tiveram.

7 – Rui e Vani – Os Normais
Seria possível falar de qualquer dupla dos últimos anos e esquecer estes dois? A criação de Fernanda Young entrou para a história recente da TV brasileira por sua genialidade. Rui (Luis Fernando Guimarães) e Vani (Fernanda Torres) nunca foram exatamente uma dupla. Em Os Normais, eles eram noivos e viviam situações que ultrapassam o limite do ridículo e, sempre, sempre funcionava. Mas eles não eram dois. O casal, na verdade, formava um só personagem e dava o charme da série que ainda hoje é adorada por todos.
6 - Rose e Gustavo – Cama de Gato
Novela das 6 normalmente produz casal de mocinha e mocinho tão sem graça que, quem não gosta do estilo adoçado de ser, acaba sentindo nojo e torcendo contra. Longe disso em Cama de Gato, graças a um roteiro afiado. Rose (Camila Pitanga) e Gustavo (Marcos Palmeira) sempre tiveram muita química e uma história forte, bem arraigada e que foi muito bem escrita e construída ao longo de toda a novela. Uma linda história de amor sem os exageros, os clichês e a lentidão que o horário sempre produziu.
5 – Tony e Fernanda – Poder Paralelo
Única dupla off-Globo da lista e com méritos. Desde o primeiro capítulo de Poder Paralelo, sabia-se que Fernanda (Paloma Duarte) e Tony (Gabriel Braga Nunes) eram os personagens mais complexos da trama. Mesmo separados, podia-se ver como eles produziriam muito se fossem juntados. E funcionou. O casal tornou-se dos mais fofos da TV brasileira e deixava todos os telespectadores emocionados com a química, a união e a força que eles tinham juntos. Pena que no fim, terminaram separados.



4 – Laura e Renato – Celebridade
Simplesmente inesquecível. Criar dupla de vilões é normalmente uma armadilha que pode não funcionar e quase sempre vira clichê sem graça. Não em Celebridade. Laura (Cláudia Abreu) e Renato (Fábio Assunção) dois vilões pérfidos e terríveis, se juntaram e, ao invés de surgir maldades clichês, surgiu a dupla de vilões mais divertida da TV brasileira. Como esquecer deles se chantageando? Do chicote? Das noites de amor? Impossível.



3 - Ellen e Foguinho – Cobras e Lagartos

http://www1.folha.uol.com.br/folha/ilustrada/images/20061117-foguinho_ellen.jpg

João Emanuel Carneiro mostrou desde cedo ser capaz de produzir duplas inesquecíveis. Em Cobras e Lagartos juntou os dois personagens mais complexos e divertidos de toda a história e conseguiu compôr a dupla mais divertida do horário das 7 na década. Ellen (Taís Araújo) e Foguinho (Lázaro Ramos) foram responsáveis pelas cenas mais incrivelmente divertidas já produzidas nos últimos 15 anos no horário das 7. Se separados eles já eram ótimos na novela, juntos então, ficaram insuperáveis.

2 – Dimas (José Silvério) e Otto (Ezequiel) – A Cura
Poderia falar de Dimas e Rosângela que foram o casal da série, e um casal muito fofo, diga-se, porém, a grande dupla de A Cura foi Dimas (Selton Melo) e Otto (Juca de Oliveira). Duas almas que se odiavam e se perseguiram por mais de 200 anos ultrapassando gerações e encarnações até chegar aos dias atuais. Graças ao talento da dupla de atores e a um texto primoroso de João Emanuel Carneiro, a dupla convenceu ao público e mostrou que a força da briga pela vida e pela morte, ultrapassa gerações.
1 – Laura e Marcos – Celebridade
Dava para escolher outra dupla senão essa? Desde que Celebridade foi ao ar todos sabiam que essa dupla dificilmente seria tirada do topo das melhores duplas em qualquer lista. Incrivelmente inspirados, Laura (Cláudia Abreu) e Marcos (Márcio Garcia) saiam do drama para a comédia em dois segundos e conseguiam encantar o público pelo jeito marginal de ser que sempre funcionou – e só funcionou com eles nos últimos anos, é preciso lembrar – impossível esquecer as grandes cenas que os dois protagonizaram e o amor impressionante que um tinha pelo outro.
TVxTV
About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s