Listão: As novelas estrangeiras exibidas no Brasil – Década de 2010!

 Matéria escrita por Willian Gonçalves

Pode-se dizer que após algumas emissoras cambalearem muito no ramo de exibição de novelas estrangeiras, a década atual é uma das mais proveitosas para emissoras como SBT e Band. Após passar dois anos sem exibir produções da Televisa, em 2010, o SBT voltou a apostar timidamente em suas novelas, começando com duas inéditas e logo depois com reprises. Dois anos se passaram e o SBT voltou a apostar em novelas inéditas, com pouca recepção no início, mas agora, com a audiência nas alturas. Já a Band após receber uma pouca e boa recepção do público em relação a exibição de novelas juvenis, acabou saturando o público com o gênero, mas um ano depois, deu a volta por cima e agora está firme e forte com a exibição de folhetins turcos em sua grade. Destacam-se nesta década novelas como Quase Anjos, As Tontas não Vão ao Céu, Acorrentada, Dona Bárbara, Cuidado com o Anjo, Meu Pecado, Sortilégio, Windeck, Coração Indomável, Mil e Uma Noites, A Dona, Fatmagül – A Força do Amor, Teresa, Meu Coração é Teu, Abismo de Paixão, Sila – Prisioneira do Amor e A Gata.

Quase Anjos – 1ª Temporada (Casi Ángeles – 1ª e 2ª Temporadas) – Band, 2010

Quase Anjos - 1ª Temporada

Protagonizada por Lali Espósito, Gastón Dalmau, Rocío Igarzábal, Juan Pedro Lanzani e Nicolás Riera, conta a história de um grupo de adolescentes que foram abandonados em um orfanato por seus pais, e lá, são explorados pelo dono do orfanato, o Dr. Bartolomeu. Tudo muda quando Cielo e Dr. Nicolas entram em suas vidas. Cielo fundará a banda Teen Ángeles, que será formada por Jasmin, Mar, Rama, Tato e Tiago. O folhetim teve sua primeira temporada compactada em apenas um capítulo e a segunda temporada original foi exibida com o título de primeira temporada.

Ficha Técnica:

História Original: Cris Morena
Adaptação: Leandro Calderone e Gabriela Fiore
Produção Executiva: Cris Morena Group e RGB Entretainment
País de Origem: Argentina
Emissora Original: Telefe
Exibição no Brasil: 15/03/2010 à 24/12/2010, às 20h15/09h15 em 120 capítulos
Tema de abertura: Vamos ver quem pode – Teenangels
Reprises: 2011

Acorrentada (Acorralada) – CNT, 2010

Acorrentada

Protagonizada por Alejandra Lazcano e David Zepeda, conta a história de Diana, uma jovem enfermeira que é presa após se defender de um médico que tenta lhe abusar, e na prisão, fica amiga de Gaivota, uma cantora que na verdade, é sua verdadeira mãe. Maximiliano é um jovem rico casado com Marion, que em uma festa, leva um tiro na cabeça de seu amante e entra em estado vegetativo. Após sair da prisão, Diana vai trabalhar na casa de Maximiliano como enfermeira de Dona Santa, uma idosa que tem uma mente infantil. Diana e Maximiliano acabarão se apaixonando, mas terão que enfrentar obstáculos como Marion e sua irmã gêmea Deborah, apaixonadas por Maximiliano, e Octavia e Gaivota, mães de Maximiliano e Diana, que tem uma longa rixa de anos.

Ficha Técnica:

História Original: Alberto Gómez
Adaptação: Verónica Suárez e Omaira Rivero
Produção Executiva: Peter Tinoco, Ana Teresa Arismende, Arquímedes Rivero e Dulce Terán
País de Origem: Venezuela/Estados Unidos
Emissora Original: Venevisión/Univision
Exibição no Brasil: 05/04/2010 à 30/04/2011, às 21h00 em 335 capítulos
Tema de abertura: Acorralada – Angel Arce
Reprises: Não teve

As Tontas não vão ao Céu (Las Tontas no van al Cielo) – SBT, 2010

As Tontas não vão ao Céu

Protagonizada por Jacqueline Bracamontes, Jaime Camil e Valentino Lanús, conta a história de Candy, uma mulher que prepara-se para se casar com Patrício, o homem de sua vida. Mas no dia de seu casamento, Candy sofre uma enorme desilusão ao flagrar o marido com Alice, sua irmã invejosa. Ela resolve sair de casa e mente a todos que está morta, mas na verdade, está morando com um tio seu em outra cidade. Por lá, ela conhece Santiago, um cirurgião plástico e pai solteiro, abandonado por sua esposa Paulina. Candy e Santiago além de dar uma nova chance ao amor, irão se meter em situações completamente cômicas. Marcou o retorno das novelas mexicanas ao SBT.

Ficha Técnica:

História Original: Enrique Torres
Adaptação: Enrique Torres e Miguel Vega
Produção Executiva: Rosy Ocampo
País de Origem: México
Emissora Original: Canal de las Estrellas (Televisa)
Exibição no Brasil: 19/04/2010 à 22/10/2010, às 16h00 em 135 capítulos
Tema de abertura: Esto es lo que soy – Jesse y Joy
Reprises: Não teve

Paixão (Pasión) – CNT, 2010

Paixão

Protagonizada por Susana González e Fernando Colunga, a novela se passa em 1740, no México Colônial. O folhetim conta a história de Camila de Salamanca, uma jovem comprada por um rico e poderoso senhor para que faça companhia a sua filha cega, Lisabeta, uma mulher que apesar de sua deficiência, é fria e cruel. Camila acaba se apaixonando por Ricardo de Salamanca, o “Antiliano”, um pirata misterioso, que também desperta os sentimentos de amor em Lisabeta, que fará de tudo para arruinar o romance da “irmã” com o pirata.

Ficha Técnica:

História Original: María Zarattini
Adaptação: María Zarattini
Produção Executiva: Carla Estrada
País de Origem: México
Emissora Original: Canal de las Estrellas (Televisa)
Exibição no Brasil: 26/04/2010 à 09/10/2010, às 22h00 em 156 capítulos
Tema de abertura: Pasión – Sarah Brightman e Fernando Lima
Reprises: Não teve

Karkú: Uma Galera Atrevida (Karkú) – TV Brasil, 2010

Karkú

Protagonizada por Constanza Piccoli, Luciana Echeverria e Ignácio Sepulveda, conta a história de Emilia, uma garota de 13 anos que sai de sua cidade para estudar numa escola. Lá ela faz amizade com Fernanda, Valentina, Zico, Alex e Martin. Juntos eles viverão momentos incríveis e muitas aventuras.O sucesso ocasionou o surgimento da banda Six Pack, derivada da novela.

Ficha Técnica:

História Original: ?
Adaptação: ?
Produção Executiva: ?
País de Origem: Chile
Emissora Original: TVN
Exibição no Brasil: 03/05/2010 à ?
Tema de abertura: Cada vez – Six Pack
Reprises: Não teve

Alma Indomável (Alma Indomable) – CNT, 2010

Alma Indomável

Protagonizada por Scarlet Ortiz e José Ángel Llamas, conta a história de Alma, uma jovem selvagem que cresceu sem o mínimo de educação, que cresceu sob os cuidados de Funcha, uma idosa malvada que explora a jovem. Em um certo dia, Alma conhece João Paulo, o administrador da fazenda vizinha, que a fotografa nua em um banho de rio. A partir desse encontro, João Paulo começará a se apaixonar pela selvagem jovem, que o atacou quando a fotografou desnuda.

Ficha Técnica:

História Original: Alberto Gómez
Adaptação: Alberto Gómez e Omaira Rivero
Produção Executiva: Peter Tinoco, Ana Teresa Arismende, Arquímedes Rivero e Dulce Terán
País de Origem: Venezuela/Estados Unidos
Emissora Original: Venevisión/Univision
Exibição no Brasil: 11/10/2010 à 29/04/2011, às 22h00 em 172 capítulos
Tema de abertura: Casi te olvido – Pablo Montero
Reprises: Não teve

Camaleões (Camaleones) – SBT, 2010

Camaleões

Protagonizada por Belinda e Alfonso Herrera, conta a história da dupla de ladrões Valentina e Sebastião, que roubam diversas peças de artes a mando de uma pessoa misteriosa, a quem chamam de o “Amo”. A mando do “amo”, eles se infiltram em um colégio interno de muito prestígio, se disfarçando como professores de artes para que não hajam suspeitas sob seus delitos. Em meio a tudo isso, Valentina e Sebastião acabam se apaixonando. Sua reta-final exibida pelo SBT teve diversos cortes e seu final foi narrado para que houvesse lógica, já que seus cortes foram em função de sua classificação indicativa elevada para o horário.

Ficha Técnica:

História Original: Gustavo Barrios e Diana Segovia
Adaptação: Gustavo Barrios e Diana Segovia
Produção Executiva: Rosy Ocampo
País de Origem: México
Emissora Original: Canal de las Estrellas (Televisa)
Exibição no Brasil: 25/10/2010 à 25/03/2011, às 16h00/15h45 em 108 capítulos
Tema de abertura: Sal de mi piel – Belinda
Reprises: Não teve

Isa TK+ – Band, 2010

Isa TK+

Protagonizada por María Gabriela de Faría e Reinaldo Zavarce, é uma espécie de segunda temporada de Isa TKM. O folhetim tem como foco a vida de Isa após se tornar uma grande cantora, e ao lado de Linda, elas são enviadas para um colégio onde forma jovens cantores, e isso acaba abalando os respectivos namoros das jovens. Por lá, elas conhecem Catarina, uma jovem que a início se faz de amiga de Isa, mas logo depois, revela ser uma verdadeira dissimulada, disposta a destruir sua carreira e a roubar Alex para si.

Ficha Técnica:

História Original: Mariela Romero
Adaptação: Mariela Romero
Produção Executiva: Sony Pictures e Nickelondeon Latinomérica
País de Origem: Colômbia
Emissora Original: Nickelondeon
Exibição no Brasil: 27/12/2010 à 11/06/2011, às 09h15 em 120 capítulos
Tema de abertura: Sigo al corazón – Isa TKM
Reprises: Não teve

Dona Bárbara (Doña Barbara) – CNT, 2011

Dona Bárbara

Protagonizada por Edith González e Christian Meier, conta a história de Bárbara, uma mulher que no passado, foi vítima de um estupro coletivo e viu seu namorado ser morto pelos mesmos homens, e traumatizada, ela abandona sua filha qual havia acabado de conceber. Anos mais tarde, ela regressa ao mesmo povoado onde tudo ocorreu, e agora, rica e poderosa, Bárbara passa a comandar algumas propriedades naquele local com mães de ferro, e está disposta a usar todo o seu poder para vingar-se daqueles que tanto lhe fizeram mal. Mas Bárbara voltará a amar nos braços de Santos, porém, terá que disputar com sua própria filha o amor do rapaz.

Ficha Técnica:

História Original: Rómulo Gallegos
Adaptação: Valentina Págarra
Produção Executiva: Hugo León Ferrer e Andrés Santamaría
País de Origem: Estados Unidos
Emissora Original: Telemundo
Exibição no Brasil: 02/05/2011 à 30/12/2011, às 21h00 em 202 capítulos
Tema de abertura: Dame tu amor – Estela Díaz
Reprises: Não teve

Quase Anjos – 2ª Temporada (Casi Ángeles – 3ª Temporada) – Band, 2011

Quase Anjos - 2ª Temporada

Protagonizada por Lali Espósito, Gastón Dalmau, Rocío Igarzábal, Juan Pedro Lanzani e Nicolás Riera, conta que depois de abrir o livro de 7 chaves, os 14 escolhidos (Tiago, Mar, Jasmin, Tato, Rama, Melody, Márcio, Stefy, Vale, Simón, Zéca, Luca, Caridade e Tina) caem em diferentes pontos ao redor do povoado de “A Boa Estrela”. No entanto, Nico e Tic Tac enviam Hope, uma mulher um pouco lesada e sempre na moda, para buscar aos garotos em seu ônibus, enquanto Paz, uma mulher loira idêntica a Cielo, se dirige em busca de Camilo, um homem muito parecido ao corpo de João Cruz. Teve sua exibição cancelada após a audiência chegar no traço.

Ficha Técnica:

História Original: Cris Morena
Adaptação: Leandro Calderone
Produção Executiva: Cris Morena Group e RGB Entretainment
País de Origem: Argentina
Emissora Original: Telefe
Exibição no Brasil: 13/06/2011 à 18/11/2011, às 09h15 em 97 capítulos
Tema de abertura: Que nos volvamos a ver – Teenangels
Reprises: Não teve

Sexo Forte, Sexo Frágil (El Sexo Débil) – CNT, 2012

Sexo Forte, Sexo Frágil

Protagonizada por Ítati Cantoral e Raúl Méndez, tem como foco a vida jovem Helena quando se cruza com os homens machistas da família Camacho. Conflitos familiares, orgulho, segredos e polêmicas completam esta novela, com ares de série.

Ficha Técnica:

História Original: Joaquín Guerrero Cassasola
Adaptação: Joaquín Guerrero Cassasola
Produção Executiva: Epigmenio Ibarra e Carlos Payán
País de Origem: México
Emissora Original: Cadenatres
Exibição no Brasil: 02/01/2012 à 25/05/2012, às 21h00 em 120 capítulos
Tema de abertura: Instrumental
Reprises: Não teve

Cuidado com o Anjo (Cuidado con el Ángel) – SBT, 2013

Cuidado com o Anjo

Protagonizada por Maite Perroni e William Levy, o folhetim conta a história de Maria de Jesus, mais conhecida como Malú, uma jovem órfã que quando adolescente, fugiu do orfanato, e vivendo pelas ruas, Malú acabou sendo acolhida por Candelária, uma senhora pobre das de coração nobre. Após se meter em uma confusão, ela acaba conhecendo João Miguel, um médico que acaba se tornando seu protetor, e com o tempo, eles acabam se apaixonando. Malú acaba indo morar na mansão de Cecília e Patrício Vellarde, que na verdade, se tratam de seus verdadeiros pais, que por sua vez, acham que sua filha se trata de Estefânia, uma golpista que procura se dar bem em cima do casal, e ao conhecer Malú, acaba se tornando sua maior rival. Marcou a volta das novelas mexicanas inéditas nas tardes da emissora após incansáveis reprises.

Ficha Técnica:

História Original: Delia Fiallo
Adaptação: Carlos Romero
Produção Executiva: Nathalie Lartilleux
País de Origem: México
Emissora Original: Canal de las Estrellas (Televisa)
Exibição no Brasil: 01/04/2013 à 03/12/2013, às 15h30 em 177 capítulos
Tema de abertura: Solo tú – Gaby
Reprises: 2015

Por Ela… Sou Eva (Por Ella… Soy Eva) – SBT, 2013

Por Ela... Sou Eva

Protagonizada por Lucero e Jaime Camil, conta a história de João Carlos Caballero, um mulherengo que trabalha como executivo do Grupo Império. Helena é uma mãe solteira que vive junto com seus pais e tem um projeto inovador de uma praia artificial. Ao tomar conhecimento do projeto de Helena, João Carlos forja uma falsa identidade e se aproxima de Helena com o intuito de lhe seduzir e roubar seu projeto, mas João Carlos não contava que iria se apaixonar de verdade por Helena. Mas uma armadilha de Plutarco fará com que o mundo de João Carlos caia, perdendo o emprego, o amor de Helena e tendo que acertar contas com a justiça. Sem saída, ele forja sua morte, e com a ajuda de Mimi, uma maquiadora, ele transforma-se em Eva, uma verdadeira mulher, e com esse disfarce, João Carlos aproveitará para se reaproximar de Helena e limpar o seu nome. Acabou sendo um grande fracasso, chegando a índices de até dois pontos.

Ficha Técnica:

História Original: Elkim Ospina, Fernán Rivera e Juan Carlos Tronosco
Adaptação: Pedro Armando Rodríguez, Alejandra Romero M. e Humberto Robles
Produção Executiva: Rosy Ocampo
País de Origem: México
Emissora Original: Canal de las Estrellas (Televisa)
Exibição no Brasil: 02/12/2013 à 30/05/2014, às 15h30/16h00 em 126 capítulos
Tema de abertura: Por ella… soy Eva – Jaime Camil
Reprises: Não teve

Violetta – 1ª Temporada – Band, 2013

Violetta - 1ª Temporada

Protagonizada por Martina Stoessel, o folhetim conta a história de Violetta, uma jovem privada de ter uma vida como qualquer adolescente por seu pai após a morte de sua mãe. Ao chegar em Buenos Aires, ela conhece o Estúdio 21, um estúdio de artes cênicas com o qual Violetta se identifica, porém, seu pai é contra a jovem se dedicar ao mundo das artes. Com a ajuda de Angie, governanta de sua mansão, que na verdade, é sua tia, e seus amigos, Violetta passará a se dedicar de corpo e alma ao seu sonho de ser cantora, e paralelo a isso, ela conhece Tomas e León, dois jovens que passam a disputar os sentimentos de Violetta. Sua exibição na Band foi transferida para as manhãs dentro do programa Band Kids após sua baixa audiência nas tardes, e acabou por ser encerrada logo na primeira temporada.

Ficha Técnica:

História Original: Solange Keoleyan e Sebastián Parrotta
Adaptação: Solange Keoleyan e Sebastián Parrotta
Produção Executiva: Diego Carabelli
País de Origem: Argentina
Emissora Original: Disney Channel
Exibição no Brasil: 02/12/2013 à 09/04/2014, às 15h00/09h15/10h00 em 80 capítulos
Tema de abertura: Pelo mundo – Mayra Arduini
Reprises: Não teve

Rosário (Rosário Tijeras) – Band, 2014

Rosário

Protagonizada por María Fernanda Yépes, Andrés Sandoval e Sebastián Martínez, conta a história de Rosário, uma jovem que vive no subúrbio de Bogotá com sua mãe e um padrasto, que na infância, lhe abusou sexualmente. Já adulta, Rosário buscará vingança em cima de seu padrasto e de todos aqueles que lhe fizeram mal quando era apenas uma menina. Paralelo a isso, Rosário se envolverá com Antonio e Emilio, e além de ter que escolher por um dos rapazes, Rosário terá que escolher o que é mais importante: amar ou matar. Exibida nas madrugadas da Band, fez um sucesso relativo, alavancando a audiência do canal no horário.

Ficha Técnica:

História Original: Jorge Franco
Adaptação: Carlos Duplat e Luz Marina Santofimio
Produção Executiva: Juan Pablo Posada
País de Origem: Colômbia
Emissora Original: RCN Televisión
Exibição no Brasil: 06/01/2014 à 23/05/2014, às 02h30 em 104 capítulos
Tema de abertura: Si vos no estás aqui – El Vampiro
Reprises: Não teve

Meu Pecado (Mi Pecado) – SBT, 2014

Meu Pecado

Protagonizada por Maite Perroni e Eugenio Siller, conta a história dos amigos de infância Lucrécia e Juliano, separados por uma tragédia: a morte de César, o irmão mais novo de Lucrécia, morte essa pela a qual Juliano é considerado o culpado por Rosário, mãe de Lucrécia e César. Agora adultos, Lucrécia e Juliano voltam a se encontrar, e ao se verem novamente, a amizade que um sentia pelo o outro some completamente, dando lugar ao amor. Mas para serem felizes, Lucrécia e Juliano terão que enfrentar barreiras como Rosário, Carmelo, amigo de infância dos dois que está obcecado por Lucrécia, Renata, a prima de Lucrécia que fugiu do internato onde estudavam após assassinar a diretora do local e Lorena, a noiva de Juliano. Apesar de ter amargado índices péssimos no início, o folhetim deu a volta por cima da metade pro fim e se tornou um grande sucesso de críticas por conta da atuação de Maite Perroni, que fugiu das mocinhas pobres, sujas e indefesas nesta novela. E apesar dos constantes cortes por conta do conteúdo forte, o folhetim terminou com 110 capítulos, a mesma quantidade de capítulos exibidos originalmente pela Televisa.

Ficha Técnica:

História Original: Cuauhtémoc Blanco, María del Carmem Peña e Victor Manuel Medina
Adaptação: Cuauhtémoc Blanco, María del Carmem Peña e Victor Manuel Medina
Produção Executiva: Juan Osorio
País de Origem: México
Emissora Original: Canal de las Estrellas (Televisa)
Exibição no Brasil: 02/05/2014 à 31/10/2014, às 16h00 em 110 capítulos
Tema de abertura: Como se explica o amor – Maite Perroni
Reprises: Não teve

Sortilégio (Sortilegio) – SBT, 2014

Sortilégio

Protagonizada por Jacqueline Bracamontes e William Levy, conta a história de Maria José, uma jovem que está prestes a se casar com o milionário Alessandro Lombardo, mas na verdade, o que ela não imagina, é que se casará com Bruno, o irmão mais novo de Alessandro, que planejou sua morte para que pudesse se casar com Maria José usando seu nome e herdar sua fortuna. Mas o plano de Bruno acaba dando errado, e Alessandro regressa vivo, porém, desmemoriado. Mesmo sem se lembrar de sua suposta esposa, Alessandro passa a tratar Maria José com carinho, que é obrigada por Bruno a agir naturalmente com o “marido”, caso contrário, ela seria morta pelo rapaz junto com seus familiares. Aos poucos, o amor nasce dentro de Maria José e Alessandro, que até pouco tempo, não se conheciam e viviam um casamento armado. Ergueu os índices de Meu Pecado e tornou-se um dos maiores sucessos exibidos nas tardes da emissora. Considerada imprópria para menores de 14 anos, o folhetim apesar dos cortes, foi exibida na íntegra, porém, teve algumas coisas alteradas em sua dublagem, como o caso vivido por Roberto e Ulisses, que virou uma simples amizade.

Ficha Técnica:

História Original: María Zarattini
Adaptação: María Zarattini e Cláudia Velazco
Produção Executiva: Carla Estrada
País de Origem: México
Emissora Original: Canal de las Estrellas (Televisa)
Exibição no Brasil: 27/10/2014 à 27/02/2015, às 16h15 em 88 capítulos
Tema de abertura: Sortilegio de amor – Il Divo
Reprises: Não teve

Windeck – O Preço da Ambição (Windeck) – TV Brasil

Windeck

Protagonizada por Nádia Silva e Celso Roberto, o folhetim conta a história de Vitória, uma mulher sensual que será capaz de qualquer coisa para subir na vida. Em Luanda, ela vai viver com sua irmã Ana Maria, uma fotógrafa da Divo, e muito diferente da irmã, é uma mulher boa e honesta. Disposta a subir na vida, Vitória escolhe Kiluanji, o herdeiro da Divo, para conquistar seus obejtivos. Primeira telenovela angolana exibida no Brasil, e em 2013, disputou o Emmy Internacional com Avenida Brasil e Lado a Lado, telenovelas da Rede Globo.

Ficha Técnica:

História Original: Coreón Dú
Adaptação: Joana Jorge, Alexandre Tavares, Andreia Vicente Martins, Miguel Crespo e Isilda Hurst
Produção Executiva: Coreón Dú, Sérgio Neto e Renato Freitas
País de Origem: Angola
Emissora Original: TPA
Exibição no Brasil: 10/11/2014 à 28/04/2015, às 23h00 em 120 capítulos
Tema de abertura: Windeck – Cabo Snoop
Reprises: 2015

Coração Indomável (Corazón Indomable) – SBT, 2015

Coração Indomável

Protagonizada por Ana Brenda Contreras e Daniel Arenas, conta a história de Maricruz, uma menina selvagem que vive numa choupana nos arredores da fazenda Narváez com seu avô Ramiro e sua irmã adotiva Soledade, mais conhecida como Mudinha. Ela conhece Otávio Narváez, um piloto que deseja sua parte nas terras do irmão, e para isso, casa-se com Maricruz, sua protegida, com o objetivo de conseguir sua parte na herança da família. Mas quem sofre com as consequências é Maricruz, que acaba tendo sua vida transformada num inferno por Lúcia, sua cunhada, que a faz ir para a cadeia por roubo, ordena a morte do avô de Maricruz e o estupro de sua irmã. Agora fora da prisão, Maricruz descobre ser herdeira de uma grande fortuna, e a partir daí, decide usá-la para se vingar da família Narváez. Remake de Marimar, novela estrelada por Thalia nos anos 90, como sua versão original, foi um estrondoso fenômeno nas tardes do SBT, chegando a índices de dois dígitos de média, algo muito raro de se acontecer até então, e por conta de seu fenômeno, recebeu tratamentos bem raros, como ter sua duração esticada pelo SBT e ter três de suas cinco aberturas exibidas pelo SBT.

Ficha Técnica:

História Original: Inés Rodena
Adaptação: Carlos Romero
Produção Executiva: Nathalie Lartilleux
País de Origem: México
Emissora Original: Canal de las Estrellas (Televisa)
Exibição no Brasil: 23/02/2015 à 16/10/2015, às 16h30 em 170 capítulos
Tema de abertura: Déjalo ir – Margarita Diosa de la Cumbia
Reprises: Não teve

Mil e Uma Noites (Binbir Gece) – Band, 2015

Mil e Uma Noites

Protagonizada por Bergüzar Korel e Halit Ergenç, o folhetim conta a história de Sherazade, uma jovem arquiteta viúva que cria sozinha o seu filho Kaan, que com apenas cinco anos, é diagnosticado com leucemia. Sem o dinheiro necessário para custear a cirurgia, Sherazade pede um empréstimo de 1 milhão para Onur, o seu chefe, um homem autoritário e conquistador. A principio, ele nega a quantia, mas logo depois, acaba cedendo com a condição de que Sherazade e ele dormissem juntos por uma noite. Mesmo indo contra seus princípios, Sherazade aceita a proposta de seu chefe, que tempos depois, ao descobrir o verdadeiro motivo pelo qual Sherazade aceitou sua proposta, passa a se tornar um homem amável e acaba se encantando pela funcionária e pelo filho. A partir disso, Sherazade e Onur tentarão ser felizes, mesmo com várias armadilhas do destino tentando impossibilitar a vida do casal. Originalmente uma série, Mil e Uma Noites é a primeira produção turca a ser exibida no Brasil, e com muito êxito, triplicando a audiência do horário nobre da Band.

Ficha Técnica:

História Original: Mehmet Bilal e Mutat Lütfü
Adaptação: Mehmet Bilal e Mutat Lütfü
Produção Executiva: TCM Films
País de Origem: Turquia
Emissora Original: Kanal D
Exibição no Brasil: 09/03/2015 à 15/09/2015, às 20h25 em 163 capítulos
Tema de abertura: Eu só queria te amar – Laís
Reprises: Não teve

A Dona (Soy Tu Dueña) – SBT, 2015

A Dona

Protagonizada por Lucero e Fernando Colunga, a novela conta a história de Valentina Villaça, uma jovem executiva que está prestes a se casar com Alonso Penalva, um empresário ambicioso que tem um caso com a prima de Valentina, a invejosa Ivana. No dia de seu casamento, Alonso foge do país, abandonando ao mesmo tempo Valentina, no altar à sua espera, e Ivana, que planejava fugir com o amante. Amargurada, Valentina muda completamente seu visual e foge para Os Caracóis, a fazenda que herdou de seus pais. Lá, ela conhece José Miguel Montesinos, dono da fazenda vizinha, que vive na ruína. Disposta a se tornar a dona de das propriedades vizinhas, Valentina trava uma verdadeira guerra com José Miguel para conseguir a posse de suas terras, e em meio a essa guerra, o coração de Valentina resolve dar uma nova chance ao amor nos braços de José Miguel, porém, não será tão fácil como ela pensa, porque além de contar com Ivana e Alonso, que regressava do exterior, para atrapalhar a relação, eles contarão com Rodrigo Gavilán em seus caminhos, o obcecado capataz da fazenda de Valentina, e que também, se trata do verdadeiro pai de José Miguel. O folhetim permaneceu cinco anos na gaveta da emissora, com medo da classificação indicativa, mas após tantos apelos e campanhas nas redes sociais para a exibição do folhetim por conta de Gabriela Spanic, a vilã da trama, ele finalmente foi exibido, mas quem roubou todo o destaque foi Lucero, a protagonista da trama, que após ter dois folhetins seus exibidos pela emissora passarem em branco, finalmente teve o reconhecimento merecido pelo público. A Dona se tornou uma das maiores audiências das tardes da emissora, chegando a índices de até dez pontos em sua última semana.

Ficha Técnica:

História Original: Inés Rodena
Adaptação: Kary Fajer
Produção Executiva: Nicandro Díaz González
País de Origem: México
Emissora Original: Canal de las Estrellas (Televisa)
Exibição no Brasil: 17/08/2015 à 04/03/2016, às 17h30/18h20 em 145 capítulos
Tema de abertura: Golondrinas viajeras – Lucero e Joan Sebastian/Dona desse amor – Lucero
Reprises: Não teve

Fatmagül – A Força do Amor (Fatmagül’ün Suçu Ne?) – Band, 2015

Fatmagül - A Força do Amor

Protagonizada por Beren Saat, Engin Akyürek e Fırat Çelik, o folhetim conta a história de Fatmagül, uma jovem que vive em um povoado com seu irmão Rahmi e sua cunhada Mukaddes. Estando perto de se casar com Mustafá, o homem de sua vida, Fatmagül vê sua vida mudar para pior em apenas uma noite. Ao cruzar com Erdogam, Selim, Vural e Kerim, que estavam completamente bêbados, Fatmagül é vítima de um violento estupro da parte dos três primeiros, já Kerim, apenas observou, porém, a culpa acaba caindo somente em suas mãos. Mustafá acaba abandonando Fatmagül após o estupro, ao julgá-la como culpada de tudo, e para limpar a imagem da família Yaşaran, Kerim é obrigado a se casar com Fatmagül, que a principio, o odeia com todas suas forças, mas com o passar do tempo, acaba se afeiçoando pelo rapaz e seu ódio vira amor, um amor capaz de reconstruir o amor que foi destruído após o estupro. Mas para viverem juntos e em paz, terão que enfrentar inimigos como a família Yaşaran, Mustafá, que agora se tornou um homem poderoso e extremamente violento e Mukaddes, que fará de tudo para tirar a paz do casal com suas intrigas e mentiras. Substituindo Mil e Uma Noites, a principio, o folhetim não teve boa aceitação, amargando índices de até um ponto, mas em certo ponto da trama ela ganha um tema de abertura na voz dos cantores Bruno & Marrone e sua história acaba ganhando uma pegada mais romântica, tendo uma enorme guinada na audiência e na repercussão, que chegou a até quatro pontos em suas semanas finais.

Ficha Técnica:

História Original: Vedat Türkali
Adaptação: Ece Yörenç e Melek Gençoğlu
Produção Executiva: Kerem Çatay
País de Origem: Turquia
Emissora Original: Kanal D
Exibição no Brasil: 31/08/2015 à 06/04/2016, às 20h25 em 180 capítulos
Tema de abertura: Chorar – Bruno & Marrone
Reprises: Não teve

Violetta – 1ª Temporada – SBT, 2015

Violetta - 1ª Temporada

Com a estreia do programa Mundo Disney nas manhãs do SBT, Violetta teve sua exibição adquirida em meio ao pacote de desenhos e séries da emissora. Protagonizada por Martina Stoessel, o folhetim conta a história de Violetta, uma jovem privada de ter uma vida como qualquer adolescente por seu pai após a morte de sua mãe. Ao chegar em Buenos Aires, ela conhece o Estúdio 21, um estúdio de artes cênicas com o qual Violetta se identifica, porém, seu pai é contra a jovem se dedicar ao mundo das artes. Com a ajuda de Angie, governanta de sua mansão, que na verdade, é sua tia, e seus amigos, Violetta passará a se dedicar de corpo e alma ao seu sonho de ser cantora, e paralelo a isso, ela conhece Tomas e León, dois jovens que passam a disputar os sentimentos de Violetta. Sua exibição no Mundo Disney foi apenas às sextas e sábados.

Ficha Técnica:

História Original: Solange Keoleyan e Sebastián Parrotta
Adaptação: Solange Keoleyan e Sebastián Parrotta
Produção Executiva: Diego Carabelli
País de Origem: Argentina
Emissora Original: Disney Channel
Exibição no Brasil: 04/09/2015 à ?, às 09h30
Tema de abertura: Pelo mundo – Mayra Arduini
Reprises: Não teve

Teresa – SBT, 2015

Teresa

Protagonizada por Angelique Boyer, Sebastián Rulli e Aaron Díaz, conta a história de Teresa Chávez, uma jovem do subúrbio que vive com seus pais e que namora Mariano, um humilde mecânico. Ela é a melhor amiga de Aurora, uma jovem rica que a ajuda em diversos momentos. Disposta a usar sua beleza para subir na vida, Teresa passa a trabalhar na casa de Arthur, seu professor, em troca de que ele lhe pague sua faculdade, e com o passar do tempo, Teresa acaba dispensando Mariano para ficar com Arthur, somente pela condição social oferecida. A trama tem diversas semelhanças com Rubi, desde o enredo, a adaptação e a produção executiva, e como Rubi, foi um verdadeiro sucesso de audiência e repercussão. No SBT, sua exibição inicialmente derrubou um pouco os índices de Coração Indomável, mas com o tempo, chegou a índices entre oito, nove e dez pontos, chegando a dar onze pontos em seu final, audiência jamais vista até então nas tardes da emissora. Angelique Boyer, anteriormente conhecida por conta de sua personagem em Rebelde, acabou ganhando ainda mais fãs no Brasil por meio da novela, e por conta disso, Teresa foi sucedida por Abismo de Paixão, protagonizada também por Angelique Boyer, algo que não acontecia desde a exibição das novelas da Thalia.

Ficha Técnica:

História Original: Mimí Bechelani
Adaptação: Ximena Suárez
Produção Executiva: José Alberto Castro
País de Origem: México
Emissora Original: Canal de las Estrellas (Televisa)
Exibição no Brasil: 05/10/2015 à 10/04/2016, às 16h30/17h15 em 136 capítulos
Tema de abertura: Esa hembra es mala – Glória Trevi
Reprises: Não teve

Meu Coração é Teu (Mi Corazón es Tuyo) – SBT, 2016

Meu Coração é Teu

Protagonizada por Silvia Navarro e Jorge Salinas, o folhetim conta a história de Ana Leal, uma dançarina de pole dance que tem a casa onde vive com Jeniffer destruída, e para custear as obras da moradia, ela arruma um segundo emprego como babá dos sete filhos de Fernando Lascuraín, um milionário que acaba de ficar viúvo e que não tem controle sob seus filhos, que fazem de tudo para afastar qualquer babá contratada por Fernando. Inicialmente, os sete Lascuraín se portam de uma forma rude com Ana, tentando fazer sua vida um inferno e com que se demita, mas com a chegada de Isabela, a nova namorada de Fernando, eles se aliam a Ana para afastar a interesseira da mansão, e sem que Ana saiba, eles tentam juntá-la com seu pai. Em meio a toda essa confusão, Ana tentará esconder seu outro emprego de todos e irá se envolver em diversas situações cômicas em nome do amor que sente pelo patrão. Engavetada pelo o SBT desde o ano passado, o folhetim chegou a ser cogitado para substituir a reprise de Rebelde no horário nobre, por não conseguirem encaixar a novela nas tardes por conta de seu conteúdo infantil e cômico, e em uma ideia arriscada, ela substituiu A Dona, e para a surpresa de todos, conseguiu altos índices, até superiores ao da sua antecessora.

Ficha Técnica:

História Original: Ana García Obregon
Adaptação: Alejandro Pohlenz, Marcia de Río e Pablo Ferrer
Produção Executiva: Juan Osorio
País de Origem: México
Emissora Original: Canal de las Estrellas (Televisa)
Exibição no Brasil: 29/02/2016 à 29/08/2016, às 18h30 em 131 capítulos
Tema de abertura: Mi corazón es tuyo – Axel e Kaay
Reprises: Não teve

Abismo de Paixão (Abismo de Pasión) – SBT, 2016

Abismo de Paixão

Protagonizada por Angelique Boyer e David Zepeda, conta a história de Elisa e Damião, dois amigos de infância que foram separados brutalmente por Almerinda, a mãe do rapaz, após uma intriga causada por Carmem, a tia de Elisa, que era amante do pai de Damião e fez com que todos pensassem com que sua irmã Estefânia, mãe de Elisa, fosse a verdadeira amante de Rogério. Agora adultos, Elisa e Damião voltam a se encontrar e a amizade do passado acaba se tornando em amor verdadeiro, porém, esse amor será impedido por diversas intrigas do destino e de Carmem e Almerinda, que desejam vê-los longe um do outro. Remake de Canavial de Paixões, novela mexicana dos anos 90, a trama teve poucas mudanças, mas ainda sim, se tornou um verdadeiro fenômeno, e aqui no Brasil não é diferente, ela acumula a maior média-geral até então dos folhetins mexicanos exibidos nas tardes da emissora desde 2010.

Ficha Técnica:

História Original: Caridad Bravo Adams
Adaptação: Juan Carlos Alcalá
Produção Executiva: Angelli Nesma Medina
País de Origem: México
Emissora Original: Canal de las Estrellas (Televisa)
Exibição no Brasil: 28/03/2016 à 17/10/2016, às 17h15
Tema de abertura: Com um suspiro – Léo Nascimento
Reprises: Não teve

Sila – Prisioneira do Amor (Sila) – Band, 2016

Sila - Prisioneira do Amor

Protagonizada por Cansu Dere e Mehmet Akif Alakurt, o folhetim conta a história de Sila, uma jovem que quando ainda era apenas uma pequena menina, foi vendida a uma família rica. Agora adulta, seu pai deseja recuperar a filha com a desculpa de que sua mãe está com uma grave doença, mas na verdade, Sila servirá como pagamento de uma dívida com a família Genco, os líderes da aldeia do povoado, pois o irmão de Sila havia tentado fugir com a irmã mais nova de Boran, o líder da tribo. No dia do casamento de seu irmão, Sila descobre que também se casará naquele mesmo dia, e caso se recuse, seria morta. Sem saída, ela se casa com Boran, que demonstra ser um homem meigo e atencioso, apesar da frieza com que Sila o trata. Com o tempo, o casamento arranjado de Sila e Boran acaba se tornando em amor verdadeiro, apesar das circunstâncias no qual ele foi consumado. É o maior sucesso entre as novelas turcas desde a inauguração da faixa com Mil e Uma Noites, chegando a ganhar um clipe gravado em Istambul com a música tema da novela.

Ficha Técnica:

História Original: Sema Ergenekon, Eylem Canpolat, Muharrem Buhara e Bektaş Topaloğlu
Adaptação: Sema Ergenekon, Eylem Canpolat, Muharrem Buhara e Bektaş Topaloğlu
Produção Executiva: Gül Oğuz
País de Origem: Turquia
Emissora Original: ATV
Exibição no Brasil: 28/03/2016 à (no ar), às 20h25
Tema de abertura: Vai chegar – Li Martins
Reprises: Não teve

Mar de Amor – SBT, 2016

Mar de Amor

Protagonizada por Zuria Vega e Mario Cimarro, o folhetim conta a história de Estrela Marinha, uma jovem pescadora que vive com seus padrinhos após sua mãe, Cacilda, ficar louca após ser estuprada. Decidida a buscar oportunidades melhores, Estrela passa a trabalhar como secretária do terrível León Parra-Ibañez em sua casa, que na verdade, se trata de seu tio e o real responsável pelo estado mental de Cacilda. Em uma de suas pescarias, Estrela acaba conhecendo Vitor Manuel, um piloto de avião que também é escritor e possuí metade das terras de Playa Escondida. Estrela acaba se encantando pelo rapaz, que recém havia saído de uma desilusão amorosa com Coral, uma mulher sensual, porém, bastante perigosa. Estrela acaba se envolvendo com Vitor Manuel, mas terá que enfrentar obstáculos como León, Oriana, filha de León e sua prima, que está apaixonada por Vitor Manuel e constantemente sujeita Estrela a diversas humilhações, e Coral, que reaparece completamente desmemoriada, mas mesmo assim, ainda é uma pessoa bastante perigosa. Exibida após quase dez anos de sua exibição no México, Mar de Amor causou polêmica já antes de sua estreia por quebrar o padrão de dublagens dos folhetins exibidos pelo SBT, que desde 1990, eram dublados no Rio de Janeiro. Mas mesmo com a dublagem diferenciada, isso não foi barreira para que Mar de Amor se tornasse mais um dos grandes sucessos exibidos até então pelo SBT.

Ficha Técnica:

História Original: Delia Fiallo
Adaptação: Alberto Gómez e Maria Antonieta “Calú” Gutiérrez
Produção Executiva: Nathalie Lartilleux
País de Origem: México
Emissora Original: Canal de las Estrellas (Televisa)
Exibição no Brasil: 16/05/2016 à (no ar), às 16h15
Tema de abertura: Regalame un beso – Fanny Lu
Reprises: Não teve

A Gata (La Gata) – SBT, 2016

A Gata

Protagonizada por Maite Perroni e Daniel Arenas, o folhetim conta a história de Esmeralda e Paulo, dois amigos de infância de classes sociais diferentes. Desde menina, Esmeralda é explorada por Dona Rita, uma malvada senhora que a obriga a pedir esmola, mas as coisas mudam ao conhecer Paulo, um jovem rico que está disposto a educá-la, a ensinando a ler e escrever. Anos se passam, e eles acabam se apaixonando, contra a vontade de Lorena, a mãe de Paulo. O que Esmeralda não imagina, é que na verdade, ela é herdeira de uma grande fortuna, e por conta de Augusto, o pai de Paulo, Fernando, o pai verdadeiro de Esmeralda foi parar na cadeia, e Branca, a mãe de Esmeralda, virou uma completa indigente que vaga por diversos locais. Após diversos apelos na internet por parte dos fãs de Maite Perroni, A Gata chegou as telas do SBT quebrando diversos recordes, estreando acima dos dez pontos e mantendo os índices durante a primeira semana, algo jamais visto desde vários anos.

Ficha Técnica:

História Original: Inés Rodena e Carlos Romero
Adaptação: Maria Antonieta “Calú” Gutiérrez
Produção Executiva: Nathalie Lartilleux
País de Origem: México
Emissora Original: Canal de las Estrellas (Televisa)
Exibição no Brasil: 15/08/2016 à (no ar), às 18h30
Tema de abertura: Vas a querer volver – Maite Perroni
Reprises: Não teve

Sou Luna – 1ª Temporada (Soy Luna – 1ª Temporada) – SBT, 2016

Sou Luna

Protagonizada por Karol Sevilla e Ruggero Pasquarelli, a novela conta a história de Luna, uma jovem que vive em Cancún, no México, com sua mãe, e tem o sonho de se tornar uma patinadora. Sua mãe acaba recebendo uma proposta de emprego em Buenos Aires, na Argentina, mas o que Luna não imagina, é que sua mãe trabalhará para uma tia na qual sente vergonha do passado que envolve Luna. Já em Buenos Aires, Luna conhece Matteo, um jovem conquistador pelo qual Luna inicialmente não sente absolutamente nada. Mas ao começarem a se envolver, Luna e Matteo terão que enfrentar a inveja de Ámbar, a ex-namorada de Matteo, uma patricinha fútil e invejosa.

Ficha Técnica:

História Original: Jorge Edelstein, Gabriela Fiore, Marina Efron e Laura Farhi
Adaptação: Jorge Edelstein, Gabriela Fiore, Marina Efron e Laura Farhi
Produção Executiva: Pol-ka Producciones
País de Origem: Argentina
Emissora Original: Disney Channel
Exibição no Brasil: 29/08/2016 à (no ar), às 09h30
Tema de abertura: Allas – Karol Sevilla
Reprises: Não teve

Lágrimas de Amor (Corona de Lágrimas) – SBT, 2016

lagrimas-de-amor

Protagonizada por Victoria Ruffo, Alejandro Nones, José María Torre e Mane de la Parra, conta a história de Regina Chavero Hernández, uma mulher que recomeça sua vida ao lado dos seus três filhos Patrício, Edmundo e Ignácio na capital do país. Dezoito anos depois, Regina vive ao lado dos três filhos em um apartamento em um bairro modesto e trabalha para fazer as vontades dos filhos, não se importando muito com sua própria saúde, aos poucos, perdendo sua visão. Dos três filhos, Patrício é o mais ambicioso e passa a desprezar sua mãe em nome da ambição, e acaba por se envolver com Olga Ancira, uma jovem caprichosa. Edmundo estuda medicina, mas apesar de amar sua mãe, passa a pensar mais em si mesmo. Já Ignácio é o mais amoroso, aspirante a lutador de boxe, o rapaz sofre junto com a mãe por conta das injustiças praticadas por seus irmãos mais velhos.

Ficha Técnica:

História Original: Manuel Canseco Noriega
Adaptação: Jesús Calzada
Produção Executiva: José Alberto Castro
País de Origem: México
Emissora Original: Canal de las Estrellas (Televisa)
Exibição no Brasil: 03/10/2016 à (no ar), às 17h15
Tema de abertura: Corona de lágrimas – Cristian Castro
Reprises: Não teve

Ezel – Band, 2016

ezel

Protagonizada por Kenan İmirzalıoğlu e Cansu Dere, a novela conta a história de Ömer Uçar, um homem humilde que regressa a Istambul para reencontrar sua família e sua noiva Eyşan após prestar serviço militar. Desde jovem, Eyşan é induzida a seu pai a roubar, e este, arma um plano com sua filha e os dois melhores amigos de Ezel, Ali e Cengiz, para assaltarem um cassino de luxo. Pressionada, Eyşan é obrigada a culpar Ezel por todos os delitos, e traído por todos a seu redor, ele passa longos doze anos na prisão, alimentando uma vingança contra os três. Durante um incêndio na prisão, Ömer é dado como morto, e aproveitando-se disso, submete-se a uma cirurgia plástica e adere a uma nova identidade: Ezel, um jogador de pôquer estrangeiro, que acaba por retornar a cenário principal no qual foi traído por todos. Mas após voltar a ver Eyşan, Ezel se vê dividido entre sua vingança contra a ex-amada e o amor que ressurge por ela.

Ficha Técnica:

História Original: Kerem Deren e Pinar Bulut
Adaptação: Kerem Deren e Pinar Bulut
Produção Executiva: Kerem Çatay
País de Origem: Turquia
Emissora Original: Show TV/ATV
Exibição no Brasil: 07/11/2016 à (no ar), às 20h25
Tema de abertura: Nos mares do tempo – Rafael Oliveira
Reprises: Não teve

Querida Inimiga (Querida Enemiga) – SBT, 2016

querida-inimiga

Protagonizada por Ana Layevska, Gabriel Soto, Carmen Becerra e Jorge Aravena, conta a história das amigas de infância Lorena e Sara, que cresceram como irmãs em um orfanato, mas são de personalidades completamente diferentes. Ao completar a maioridade, Lorena deixa a instituição para realizar seu sonho de ser chefe de cozinha, e acaba conseguindo emprego em um dos restaurantes de Hortência Armendáriz, que na verdade, trata-se de sua avó e foi quem lhe colocou em um orfanato. Já Sara, cansada da vida de miséria, antes de deixar o orfanato, descobre que sua melhor amiga é herdeira de uma grande fortuna e decide se infiltrar no seio da família Armendáriz, fazendo-se passar pela verdadeira neta de Hortência. No caminho de Lorena, surge Alonso, um médico que se apaixona verdadeiramente pela jovem, mas disposta a tirar tudo de sua amiga, Sara o seduz e vai para a cama com o namorado da amiga. É a partir daí que surge Ernesto, um chefe de cozinha amargurado que a principio, não tem uma boa relação com Lorena, mas com o passar do tempo, enxerga na jovem uma nova chance para amar. Será exibida pelo SBT quase dez anos após sua exibição em seu país de origem, e quebrando uma rotina que dura dezesseis anos, o folhetim estreou em uma quarta-feira, visto que a última a estrear no meio de uma semana foi a venezuelana Kassandra.

Ficha Técnica:

História Original: Pablo Serra e Érika Johanson
Adaptação: Carmen Sepúlveda, Edwin Valencia e Lucero Suárez
Produção Executiva: Lucero Suárez
País de Origem: México
Emissora Original: Canal de las Estrellas (Televisa)
Exibição no Brasil: 16/11/2016 à (no ar), às 16h15
Tema de abertura: Te ha robado – Manuel Mijares
Reprises: Não teve

O Que a Vida me Roubou (Lo Que la Vida me Robó) – SBT, 2017

o-que-a-vida-me-roubou

Protagonizada por Angelique Boyer, Sebastián Rulli e Luis Roberto Guzmán, o folhetim se trata de um remake em época contemporânea do grande sucesso Amor Real, com diversas modificações. A novela conta a história de Montserrat, uma jovem dominada por sua mãe, Graziela, que está a beira da ruína e deseja usar Montserrat para salvar sua família da pobreza. Mesmo estando noiva de um jovem rico, Montserrat ama de verdade José Luis, um jovem policial humilde. Por sua vez, Alessandro, é um humilde peão que acaba herdando uma enorme fortuna após descobrir ser filho bastardo de seu patrão, e, visando um próspero futuro para sua filha, Graziela arma para que José Luis seja preso e deixe o caminho de Montserrat, para se casar com Alessandro, a quem ela não ama. Com a convivência, Montserrat acaba se vendo apaixonada pelo rapaz, mas acabará se vendo dividida após a volta de José Luis, que retorna poderoso e disposto a reconquistar a amada. O folhetim, bastante esperado pelos fãs, contém diversas cenas fortes como assassinatos e muitas cenas de sexo tem previsão de ir ao ar na íntegra, favorecido pela queda da vinculação horária.

Ficha Técnica:

História Original: Caridad Bravo Adams
Adaptação: Juan Carlos Alcalá
Produção Executiva: Angelli Nesma Medina
País de Origem: México
Emissora Original: Canal de las Estrellas (Televisa)
Exibição no Brasil: Em breve, às 17h15
Tema de abertura: El perdedor – Enrique Iglesias e Marco Antonio Solís
Reprises: Não teve

15 thoughts on “Listão: As novelas estrangeiras exibidas no Brasil – Década de 2010!

  1. Pensei que o listão era só para as latinas
    Dessas eu só assisti Por Ela… Sou Eva e tô assistindo Abismo de Paixão
    Parabéns pelo trabalho

    Curtido por 1 pessoa

  2. Dessa década, as minhas favoritas são “Quase Anjos”, “As Tontas não vão ao Céu”, “Camaleões”, “Meu Coração é teu” e “Teresa”. Todas tem um gosto de quero mais após o final.

    Meu coração é teu e Camaleões são minhas 2ª e 3ª favorita em geral, perdendo apenas para A Usurpadora.

    Curtido por 1 pessoa

  3. As quais mais gostei foi de Teresa e Abismo da Paixão, luxões. Teve também Sortilégio, Coração Indomável e A Dona que gostei. E na espera de muitos mais luxos que o SBT vai passar ainda.<3
    Parabéns Willian, ótimo trabalho. Foi maravilhoso conhecer/relembrar várias novelas exibidas no Brasil.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s