A Desonra – Capítulo 26 (Último Capítulo)

Classificação Indicativa 2

CAPÍTULO 01×26 – O COMEÇO DE UM NOVO INFERNO

Continuação imediata do capítulo anterior

CENA 1, MANSÃO OLMEDO-DORANTES, QUARTO DE CLARISA, INTERIOR, DIA

Clarisa chora compulsivamente, sendo encarada fixamente por Camila, que esperava que a prima dissesse a verdade a todos os presentes.

Camila – Vamos Clarisa, diga a todo mundo a verdade! Você não tem escapatória, se não contar, eu mesma conto!

Salma – Leon faz alguma coisa, não está vendo o estado em que a Clarisa se encontra? Tudo graças à Camila que está totalmente desequilibrada!

Camila – Eu não estou desequilibrada, nunca estive tão lúcida! Agora chega de enrolação, conta pra todo mundo, conta que você foi amante de Dimitrio Soriano, conta que você ficou grávida e abortou a criança, conta!

Todos se surpreendem com os absurdos ditos por Camila, porém, ninguém acredita em nada; Leon e João se aproximam, Leon segura Camila e João levanta Clarisa, que chora compulsivamente.

Leon – Chega Camila, você passou de todos os limites, saia imediatamente desta casa, não vou mais tolerar seus surtos para cima da sua prima!

Camila – Eu tenho como provar tudo o que estou dizendo, me solte! Ângelo, você sabe de toda a verdade, por favor, diga a todos o que eu e você descobrimos.

Ângelo dá alguns passos à sua frente, ficando diante de todos os presentes; Clarisa o encara com os olhos vermelhos e inchados de tanto chorar. Sua máscara estava prestes a cair, e a única saída que lhe restava era chorar.

Ângelo – Tudo o que a Camila disse é verdade, em momento algum ela esteve mentindo sobre tudo o que foi dito.

Com uma expressão fria no olhar, ele se aproxima de Clarisa, que chora compulsivamente.

Ângelo – Esta mulher aqui é a culpada da morte do meu irmão! Ela quem escreveu uma carta de despedida a ele, onde confessava ter o roubado e que estava grávida dele, mas porém, iria abortar o filho. – chorando. – Essa mulher aqui matou o meu irmão, ela iludiu o meu irmão e fez ele morrer!

Ângelo chora compulsivamente, enquanto todos os presentes o encaram, confusos e sem saber em qual versão acreditar; De repente, Alma se aproxima de Ângelo e Clarisa, disposta a dizer o que sabe.

Alma – Eu também confirmo tudo o que foi dito por esse rapaz e pela Camila, eu sou testemunha de tudo isso, a Camila me mostrou todas as provas que ela coletou a respeito de toda essa história. A Clarisa é a culpada pela morte de Dimitrio Soriano!

Salma (confusa) – Isso não pode ser verdade, o que vocês estão dizendo são verdadeiros absurdos, a Clarisa jamais seria capaz de cometer tais atrocidades!

Leon – Por favor, eu quero ver essas benditas provas, e comprovar com meus próprios olhos se toda essa história absurda e inacreditável é verdade.

Camila se solta dos braços de Leon, e em seguida, aproxima-se da cama de Clarisa, onde está sua bolsa; Ela retira de sua bolsa um envelope semelhante ao que ela deu a Clarisa, no qual foi totalmente rasgado. Ela ergue o envelope, atraindo os olhares de todos.

Camila – Aqui estão todas as provas do verdadeiro caráter da Clarisa, as provas que mostram que Clarisa teve sim um envolvimento com Dimitrio Soriano e que ficou grávida dele!

João solta Clarisa, que cai no chão em lágrimas; Todos aproximam-se de Camila e pegam cada um dos papéis do envelope, e ao lerem cada detalhe, todos se chocam, pois o que Camila havia dito era verdade, e todas as provas mostravam cada detalhe sórdido do que foi feito por Clarisa; Ângelo a encarava com um olhar em fúria, e a mesmo tempo chorava compulsivamente.

CENA 2, MANSÃO OLMEDO-DORANTES, EXTERIOR, DIA

Os convidados já haviam sido dispensados sem muitas explicações, e muitos, se perguntavam o que realmente acontecia; Encostado em seu carro, Eric tenta discar o número de Clarisa, porém, sem obter sucesso.

Eric – O que será que está havendo? Mandaram todo mundo embora, toda a família tá reunida lá dentro… Será que houve algo com a Clarisa?

Curioso e decidido, Eric entra na mansão novamente, se dirigindo até ao jardim, para procurar as respostas de suas dúvidas.

CENA 3, MANSÃO OLMEDO-DORANTES, QUARTO DE CLARISA, INTERIOR, DIA

Todos alternavam sua visão entre os papéis e entre Clarisa, que chorava compulsivamente, ajoelhada no chão; Quem realmente não conseguia acreditar no que vi era Salma, por conta do amor cego que sentia pela sobrinha.

Salma – Isso não pode ser possível, só pode ser uma brincadeira… Por favor, Camila, pare de querer inventar provas que atinjam a Clarisa, isso aqui não pode ser real.

Camila – Não só pode como é real, todos esses papéis são reais e verídicos! – pegando a carta. – Olha para essa carta, tia, veja bem se essa aqui não é a letra da Clarisa!

Salma pega a carta e analisa cada detalhe minuciosamente, e ao se dar conta de que aquela realmente era a letra de Clarisa, seu mundo desaba, e lágrimas escorrem de seu rosto; Com a carta em mãos, ela aproxima-se de Clarisa.

Salma – Eu quero realmente acreditar que você não escreveu essa carta, mas não tem como, essa letra é sua, você escreveu isso! Vamos Clarisa, diga a verdade!

Clarisa não conseguia dizer nada, apenas conseguia chorar por conta do desespero de estar encurralada entre todos; Completamente alterada, Salma segura Clarisa por seus braços e He sacode, à espera de uma resposta.

Salma (gritando) – Me diga, Clarisa, por que você escreveu isso? Por que você fez todas aquelas barbaridades que estão escritas no papel? Por que você fez isso com todos nós, Clarisa, por que tanto motivo de desgosto para todos nós?!

Clarisa (chorando) – Tia…

Salma (gritando) – Onde foi que eu errei com você? Por que logo você foi se prestar a fazer uma barbaridade dessas? Me responde Clarisa, por quê?!

Clarisa chora compulsivamente, enquanto é sacudida por Salma, que também chora por conta do desespero que sente após ler todos aqueles papéis; Leon aproxima-se da esposa e a separa de Clarisa, a colocando sob seu ombro.

João – Eu não consigo acreditar que a mulher com quem eu me casei foi capaz de ser amante de um homem, lhe roubar e abortar um filho. Quer dizer então que você se casou comigo apenas por interesse, Clarisa, apenas para repetir o que fez com o Dimitrio?

Clarisa (chorando) – João eu te amo…

João – Me ama? Que droga de amor é esse, Clarisa? É assim que você consegue demonstrar o seu amor por um homem? O roubando e matando um filho que você espera dele? Você não ama a ninguém, Clarisa, um monstro como você não tem coração!

Camila – O que mais me surpreende nisso tudo é que a Clarisa usou essa história toda para enganar o Ângelo, para fazer ele vingar a morte do irmão dele em cima de mim, enquanto essa desgraçada estaria no bem-bom, gozando de vários privilégios nesta casa, e o pior, roubando a todos vocês!

Leon – Mas que história é essa de vingança? Do que você está falando, minha filha?

Camila – Isso é um assunto morto e enterrado, faz parte do passado, ma apesar de tudo, no fim das contas essa desgraçada pagou mais caro do que tudo por suas mentiras e por suas calúnias, mas esse castigo não é suficiente, você ainda vai prestar contas com Deus, porque ele sim pode te castigar a altura de todos os seus atos.

Após terminar suas palavras, Camila sai do quarto, e em seguida, aos poucos, Alma, Marcelo, João, Ângelo e Leon também se retiram; Salma permanece por mais alguns minutos, encarando a sobrinha com um olhar de decepção, em lágrimas. Ela se retira do quarto sem dizer nenhuma palavra, e ao sair, fecha a porta, deixando Clarisa a sós, que chora compulsivamente e esmurra o chão.

CENA 4, MANSÃO OLMEDO-DORANTES, SALA DE ESTAR, INTERIOR, DIA

Eric aproxima-se de Gema, que estava parada em frente à escada, à procura de informações sobre a interrupção repentina da festa.

Eric – Senhora, poderia me informar o que está acontecendo? Pois todos nós fomos mandados embora e a família toda entrou, e eu achei tudo isso estranho, pois até estou tentando ligar para a Clarisa e ela não me atende.

Gema – Lamento rapaz, mas eu não posso dizer nada,são assuntos de família e isso não precisa ser do conhecimento de ninguém. Por favor, peço que se retire, todos agora estão reunidos lá em cima e deram ordens extremas de que não querem nenhum convidado aqui.

Eric – Mas senhora, por favor, me diga algo, eu sou…/

Gema – A mim não me interessa de quem você se trata, estou apenas cumprindo ordens dos meus patrões, portanto, está convidado a se retirar, e caso não aceite sair, chamarei os seguranças, com licença.

Gema sobe as escadas, deixando Eric a sós após se negar dizer o que realmente está acontecendo na mansão; Ela bufa de raiva e dá um soco no corrimão da escada, furioso após ser ignorado pela governanta.

CENA 5, MANSÃO OLMEDO-DORANTES, QUARTO DE SALMA E LEON, INTERIOR, DIA

Desolada, Salma chorava nos braços de Leon, ainda pretérita e chocada ao descobrir o verdadeiro caráter de Clarisa; Para ela, o que mais lhe doía era sua consciência, pois no fundo, foi a verdadeira culpada pelos atos cometidos pela sobrinha, e também, por jamais ter acreditado na palavra de Camila.

Salma (chorando) – Eu me sinto um verdadeiro lixo, uma pessoa totalmente podre, já que no fundo, a culpa de tudo o que a Clarisa fez é minha! Eu que eduquei essa garota para ser uma cópia exata de mim, mas eu não acabei enxergando a pessoa má que havia dentro de mim, e por isso, a Clarisa acabou se tornando uma pessoa tão má quanto eu, melhor dizendo, uma pessoa verdadeiramente podre, mas que ainda sim, foi orientada por mim para ser assim.

Leon – Não se culpe a toa, Salma, você não tem responsabilidade alguma sob os atos desprezíveis cometidos pela Clarisa, mas sim, você tem uma parcela de culpa sob ela ter um caráter que até então era duvidoso, mas que agora, todos sabem que é podre, e também por ter desprezado a Camila desde pequena.

Salma (chorando) – Eu machuquei muito a Camila com meus ressentimentos pelo o seu passado com a sua irmã, a julguei muito mal apenas para defender a Clarisa, mas agora, eu vejo que sou uma verdadeira estúpida por causa de tudo o que fiz, eu defendi tanto aquela menina para ela se revelar uma verdadeira psicopata, enquanto a Camila sempre esteve certa.

Leon – Você não acha que poderia aproveitar esse momento para se arrepender de seus atos? Nunca é tarde para reconhecer erros e tentar voltar atrás, e vá por mim, garanto que a Camila não recusaria o seu perdão.

Salma (chorando) – Mas eu tenho medo, e além do mais, eu fiz muito mais além do que depreciá-la, eu fui responsável pela ocultação de toda a verdade, se não fosse por mim, você poderia dar o carinho que essa menina sempre precisou, o carinho de pai.

Leon – Eu também tenho muita culpa nisso, admito que fui muito fraco em não ter tentado dizer a verdade, mas acho que agora não adiantaria muita coisa. Mas enfim, o assunto aqui é você, e pense bem, garanto que sua consciência pesaria menos se procurasse a Camila.

Salma fica pensativa à respeito dos conselhos dados por Leon, para que procurasse o perdão em Camila, após se desiludir com Clarisa, a quem pensava ser a pessoa mais sincera de todo esse jogo.

CENA 6, MANSÃO OLMEDO-DORANTES, QUARTO DE CAMILA, INTERIOR, DIA

Sentados sob a cama, Ângelo e Camila conversam, ainda com lágrimas nos olhos após o tumultuado momento de esclarecimentos sob toda a verdade.

Camila – Finalmente essa história chegou ao fim, e apesar de eu ter sofrido muito, a Clarisa de hoje em diante pagará por cada maldade cometida.

Ângelo – Essa infeliz causou o mal a todos nós, sem exceção. Como eu pude ser tão idiota em ter acreditado nela e pensar que você foi a culpada da morte do meu irmão?

Camila – Não foi apenas você que caiu no jogo daquela víbora, o João também caiu, e principalmente a tia Salma, a quem tanto defendia essa garota. Mas e agora? O que será dela após ver seu mundo cair ao descobrir a verdade ao respeito do caráter da tão amada sobrinha?

Ângelo – Sua tia saberá dar a volta por cima, e toda essa situação terá conserto, ela se arrependerá. Mas no nosso caso, nada parece haver conserto…

Camila – Realmente, você me fez vivenciar um verdadeiro inferno graças à aquela idiota, e é improvável que algum dia eu irei te perdoar por causa disso, mas não vamos falar disso, já foram emoções demais para um dia só.

Ângelo levanta-se da cama, ficando de costas para Camila, com uma expressão decidida em seu olhar.

Ângelo – Mesmo que nossa situação não haja conserto, não é tarde para colocar todas as cartas na mesa. Fui injusto com você, porém, dessa vez, irei fazer a coisa certa.

Camila – O que você quer dizer com isso?

Ângelo – Ainda estou em tempo de poder pisar na verdadeira “a bela”, e nem que seja por alguns minutos, eu farei ela sentir na pele tudo o que você sentiu, e não terá ninguém que vai me impedir!

Camila encara Ângelo com um olhar assustador, enquanto o rapaz demonstrava estar decidido a vingar-se de Clarisa enquanto ainda havia tempo.

CENA 7, MANSÃO OLMEDO-DORANTES, QUARTO DE JOÃO, INTERIOR, DIA

João estava totalmente desolado e chocado com o que havia descobrido a respeito do verdadeiro caráter de Clarisa, não conseguindo expressar nada naquele momento; De repente, Clarisa, que estava completamente destruída após derramar diversas lágrimas e ter sofrido diversas agressões, entra no quarto do jovem, em lágrimas, enquanto ele o encara com um olhar de desprezo.

Clarisa (chorando) – João…

João – Saia daqui, eu não quero falar com você, ou você achou que após descobrir que você foi amante de outro homem e que estava prestes a fazer o mesmo comigo e que em todo esse tempo você iludiu os meus pais, eu voltaria a falar com você normalmente?

Clarisa (chorando) – Mas eu te amo, acredite em mim, eu não faria isso com você! – ajoelhando-se.

João – Você não ama, Clarisa, você é fria, incapaz de amar um ser humano, somente pensa no seu bem estar e para isso não mede esforços para conseguir o que quer, nem que para isso você cause a morte de alguém.

Clarisa (chorando) – Eu errei muito, mas eu juro que te amo e que seria incapaz de te trair, acredite em mim!

João – Chega Clarisa, saia agora do meu quarto porque não estou com paciência para suas lamúrias, um ser mentiroso como você não merece que alguém leve fé em suas palavras.

João impulsiona sua perna para a frente e com isso, Clarisa cai no chão; Completamente humilhada, ela se retira do quarto, ainda em lágrimas, enquanto João a encara com um severo olhar.

CENA 8, APARTAMENTO DE JOHNNY, INTERIOR, DIA

Completamente alucinados, sob o efeito de drogas, Nicole e Johnny riem descontroladamente, quando de repente, Johnny começa a sentir uma falta de ar repentina.

Nicole – Johnny, você tá bem?

Johnny – Eu tô… (T) Eu tô meio… (T) Eu tô meio zonzo e sentindo uma falta de… (T) Falta de ar…

Nicole (passando sua mão sob a testa de Johnny) – Johnny você tá suando frio, tem certeza que você não quer que eu te chame um médico?

Johnny – Não chama… (T) Não chama ninguém… (T) Eu vou melho…

Por conta da sua falta de ar constante, Johnny cai no chão e começa a espumar pela boca, de debatendo ali mesmo; Se tratava de uma overdose, já que Johhny havia ingerido diversas drogas e havia bebido muito na festa de Clarisa. Nicole acaba se desesperando, pois nem ela e nem Johhny alguma vez haviam passado por algo semelhante, e enquanto o amigo se debate no chão, ela tenta lhe acudir, massageando seu peito, enquanto chora de desespero.

CENA 9, MANSÃO OLMEDO-DORANTES, QUARTO DE CAMILA, INTERIOR, DIA

A sós em seu quarto, Camila olhava para o nada, completamente distraída, enquanto balançava suas pernas; De repente, Salma abre a porta de seu quarto, em lágrimas. Imediatamente, Camila aproxima-se da tia, preocupada com seu estado.

Camila – Tia, está precisando de alguma coisa? Quer alguma ajuda?

Salma não diz nada, apenas chora, preocupando cada vez mais Camila; Em um ato inesperado, Salma ajoelha-se diante de Camila, chorando compulsivamente, o que surpreende e ao mesmo tempo a preocupa.

Salma (chorando) – Camila, por favor, me perdoe, me perdoe por ter sido uma mulher tão má e insensível com você, por ter sido uma verdadeira megera em ter atormentado sua vida e sempre ter tido preferência pela Clarisa, que na verdade, sempre enganou a todos nós. Me perdoe, por favor!

Camila (chocada) – Mas tia, por favor, não faça isso…

Salma (chorando) – Eu preciso fazer isso, eu preciso me redimir com você por todo o mal que te causei, você nunca teve culpa de nada, eu sempre fui injusta com você! Me perdoa, eu suplico o seu perdão, por favor!

Camila (levantando Salma) – Por favor, tia, não me peça perdão, eu não tenho porque fazer isto, sinceramente, eu entendo você e…/

Salma (chorando) – Eu quero o seu perdão, não me negue isto, eu fui uma mulher má com você, através de você eu descontei os diversos ressentimentos que eu tinha no passado por sua mãe, mas na verdade, você é a pessoa mais inocente dessa história toda. Não me negue isto, eu te suplico!

Camila – Mas tia, eu jamais fui um exemplo de sobrinha, eu reconheço que muitas vezes eu não te respeitei como deveria e por isso eu compreendo que…/

Salma (chorando) – A questão não é qual de nós duas errou, mas sabemos que a grande responsável por essa rixa que existe entre nós duas sou eu, e por conta disso, eu acabei fazendo da Clarisa uma pessoa má. Aceite o meu perdão, mesmo que para você seja algo bobo, isso depende do meu bem estar, só me sentirei tranquila por completo quando você me perdoar!

Camila acaba cedendo aos incansáveis pedidos de Salma, que suplicava ali o perdão da sobrinha; Uma lágrima escorre de seu olho, emocionada com a iniciativa de sua tia em estabelecer um acordo de paz entre as duas.

Camila – Tudo bem, tia, eu lhe perdoo sim, lhe perdoo porque apesar de todas as brigas que tivemos, eu sempre te amei, e por conta do amor que eu sentia por você, que eu quis te provar que eu sempre disse a verdade, mas você jamais levou fé em minhas palavras. – chorando. – Você não sabe o quanto eu já chorei por conta de nossas discussões, mas lá no fundo, eu tinha esperanças de que esse dia chegaria, e agora que esse dia chegou, eu não hesito em dizer que sim, eu aceito o seu perdão.

Em lágrimas, tia e sobrinha dão um emocionado abraço após Camila aceitar o pedido de perdão de Salma, que estava disposta a se regenerar após as grandes desilusões que sofreu com Clarisa.

CENA 10, MANSÃO OLMEDO-DORANTES, QUARTO DE CLARISA, INTERIOR, DIA

Sentada no chão de seu quarto, Clarisa chora, mas seu pranto não era de tristeza, e sim, de raiva por conta da queda de sua máscara e do desprezo de todos daquela casa; De repente, Ângelo entra no quarto de uma forma completamente violenta, que assusta Clarisa, que rapidamente se levanta e fica diante do rapaz.

Clarisa – O que você quer? Me humilhar como todo mundo me humilhou? Perfeito, pode começar, já estou totalmente destruída mesmo.

Calado, Ângelo se aproxima cada vez mais da jovem, e de repente, ele a segura pelo pescoço, fazendo com que sua respiração seja dificultada.

Ângelo – Nós dois temos algumas contas para acertar, e hoje sim eu conseguirei finalmente me vingar, mas dessa vez, me vingarei da pessoa certa!

Clarisa (sem ar) – Me solta, eu não consigo respirar!

Ângelo – Sabe o que eu deveria fazer com você? Eu deveria te matar, sim, deveria fazer você pagar com tudo usando a sua vidinha medíocre, mas não, eu não terei tanto sangue frio assim…

Ângelo solta Clarisa, que cai sob sua cama, passando sua mão sob seu pescoço; Ela encara Ângelo com um olhar amedrontado, enquanto ele fica em frente a jovem.

Clarisa (chorando) – Saia daqui, saia imediatamente seu louco, seu doente!

Ângelo – Me diz, sua desgraçada, você tem medo de mim? É medo que você sente? Pois bem, eu vou fazer com que você sinta medo de mim e com razão, sua vagabunda!

 Ângelo aproxima-se da jovem e lhe dá duas bofetadas, com uma expressão de fúria em seu olhar;  Ela passa sua mão por seu rosto, que fica mais ferido e inchado ainda após receber mais agressões.

Ângelo – Você deveria se sentir feliz porque te dei apenas dois tapas, pois o que você merecia era a morte, sua desgraçada! Por sua culpa, o meu irmão se matou, e também por sua culpa, eu perdi o amor da minha vida! (T) Mas agora você pagará por tudo, sua infeliz, e para seu bem não serei eu que vou fazer seu julgamento, e sim, Deus.

Ângelo sai do quarto, dando uma forte batida na porta; Enquanto passa uma de suas mãos por seu rosto, Clarisa chora compulsivamente, enquanto esmurra sua cama, por conta da raiva que sente naquele exato momento.

CENA 11, APARTAMENTO DE JOHNNY, INTERIOR, DIA

Johnny continuava se debatendo no chão, suando frio e tendo dificuldades em sua fala, enquanto Nicole demonstrava estar desesperada, sem saber o que fazer diante do estado de Johnny.

Nicole (chorando) – Johnny não faz isso, você tava bem minutos atrás, não faz isso porque você tá me deixando desesperada! Eu vou chamar ajuda, tudo vai ficar bem!

Johnny – Não dá… (T) Não dá tempo, eu tô… (T) Eu tô morrendo, não dá… (T) Não dá mais tempo, eu tô ficando sem batimentos, eu não consigo… (T) Eu não consigo respirar e falar. Foram as… (T) Foram…

Nicole (chorando) – Foram essas malditas drogas, foram elas que fizeram isso com você! – gritando. – Elas que tão querendo te levar!

Johnny – Não querem, elas vão… (T) Vão me… (T) Elas vão me…/

Lentamente, a fala de Johnny se encerra, e aos poucos, seus olhos marejados vão se fechando, encerrando ali, a vida do jovem após a forte overdose de drogas sofrida; Desesperada, Nicole começa a dar leves tapas no rosto do jovem, tentando fazer com que ele depserte, porém, em vão.

Nicole (chorando) – Johnny? Johnny, acorda! Johnny, acorda, por favor, não faz esse tipo de brincadeira comigo! – dando alguns tapas e gritando. – Johnny acorda!

Após sua ficha cair por conta da morte do rapaz, Nicole grita e chora desesperadamente sob seu corpo, pois não conseguia aceitar que ele havia morrido por conta das drogas, as quais eram usadas como artifício de diversão e calmante para ambos.

CENA 12, MANSÃO OLMEDO-DORANTES, ESCRITÓRIO, INTERIOR, DIA

Reunidos, Leon, João, Alma e Marcelo conversam no escritório sob o ocorrido envolvendo a farsa de Clarisa.

Alma – Eu sempre soube que essa menina não prestava, e quando a Camila me mostrou aqueles papéis, eu me horrorizei, ela não passa de uma verdadeira psicopata!

João – Vocês não sabem o quanto eu estou me odiando nesse exato momento por ter aceitado casar com esse monstro, mas em breve, muito em breve eu pedirei o divórcio e ela vai ter que sair desta casa!

Marcelo – O que mais me barbarizou nisso tudo foi ela ter abortado uma criança, um ser humano inocente que não tinha nada haver com essa sujeirada toda. A Clarisa consegue ter sangue frio até para cometer uma maldade sem tamanho como essas…

Leon – Vocês sabem, mas depois de descobrir sobre esse aborto, justamente realizado pelo Dr. Gilbert, eu estou aqui pensando, será que a Clarisa pode ter se envolvido na morte desse homem? Pois curiosamente, ele morreu assassinado dias após o aborto.

Todos estranham e até se assustam com a teoria de Leon, porém, também levam em conta o que foi dito.

Alma – Sinceramente, cunhado? Eu não duvido que a Clarisa seja capaz de matar alguém. Aliás, eu acabei escondendo isso tempo demais, porém, como estamos nessa situação, também tenho algo a revelar sobre a Clarisa.

Marcelo – Como assim? Você está sabendo de algo que nós não sabemos?

Alma – Não só sei como eu vi com meus próprios olhos a Clarisa tentar desligar os aparelhos respiratórios da Camila no dia em que ela deu entrada no hospital após aquele acidente!

Leon (chocado) – Quer dizer que a Clarisa foi capaz de tentar matar a própria prima dessa maneira? Mas por que você escondeu isso de todos esse tempo todo, Alma?

Alma – No momento eu havia ficado revoltada, tanto que bati nela e a repreendi, porém disse que ia ficar calada pois sabia que você e a Salma iriam se chocar, mas como já estamos nessa situação, não há porque eu esconder isto de vocês.

João – Definitivamente nós todos estamos lidando com uma verdadeira psicopata, porque é isso o que a Clarisa é, uma louca, uma doente capaz de tudo apenas por dinheiro! A partir de hoje, temos que tomar muito cuidado com cada ato dessa garota.

CENA 13, MANSÃO OLMEDO-DORANTES, QUARTO DE SALMA, INTERIOR, DIA

Salma estava sozinha em seu quarto, ainda em lágrimas; De frente para sua janela, ela acariciava um porta-retratos que havia uma foto sua com Clarisa. De repente, a jovem entra no quarto, em lágrimas, e Salma vira-se de frente para a sobrinha, rapidamente secando suas lágrimas.

Salma – O que você quer? Veio mendigar o meu perdão após ter feito mil barbaridades, inclusive, me fazer de palhaça e querer a qualquer custo usurpar meu lugar nessa casa?

Clarisa (chorando) – Eu juro que posso me explicar, tia…

Salma – Explicar o que? Você não tem porque se explicar, está tudo comprovado naqueles papéis, que você mentiu, roubou, matou um ser humano inocente e levou outro à morte. Você acha mesmo que tem explicação o que você fez?

Clarisa (chorando) – Mas eu me arrependo de tudo, eu juro que estou arrependida de tudo o que eu fiz, e por isso eu quero o seu perdão… – ajoelhando-se.

Salma – Meu perdão? Você acha que vai conseguir meu perdão com essa sua cara de lobo em pele de cordeiro e com suas lágrimas de crocodilo? Não, o perdão só se é conquistado quando você realmente está arrependido, e no seu olhar, se enxerga claramente que você passa longe de estar arrependida, o que você quer é novamente uma chance de poder se aproveitar de todos nós.

Clarisa (chorando) – Eu sempre fiz tudo por você, sempre procurei te fazer feliz…/

Salma – E com isso você me conseguiu o contrário. Por sua culpa, eu maltratei muito a Camila, que felizmente me perdoou, mas ainda sim, eu fui muito infeliz em certas declarações e atos com ela. Olha, eu não vou mais gastar minha saliva com você, não vale a pena, você não tem coração e dificilmente um dia se arrependerá. Só espero que Deus tenha pena do seu castigo.

Fria em suas palavras, Salma afasta-se de Clarisa e sai de seu quarto, deixando a jovem a sós; Ela seca suas lágrimas, e uma diabólica expressão toma conta de seu rosto.

Clarisa – Cansei, se eles querem realmente conviver com a encarnação do Diabo na Terra, eles vão ter, não terei pena de acabar com um por um dos Olmedo-Dorantes e com aqueles que são próximos deles. Eu juro que cada um de vocês me pagarão!

Aos poucos, os olhos de Clarisa param de marejar, e cada vez mais, a expressão de Clarisa torna-se assustadora, disposta a vingar-se de todos seus familiares.

CENA 14, O DIA ANOITECE

CENA 15, MANSÃO OLMEDO-DORANTES, QUARTO DE CLARISA, INTERIOR, NOITE

Já recomposta após diversas humilhações e agressões, Clarisa traja apenas uma fina camisola de seda, e em frente a sua penteadeira, ela escova seus cabelos; De repente, seu celular começa a vibrar, e ao ver o número de Nicole, ela imediatamente atende.

Clarisa (celular) – O que você quer, garota? Tem hora melhor para ligar não?

Nicole (celular) – Apenas estou te ligando para te parabenizar, para te parabenizar por ser a culpada pela morte do Johnny, sua desgraçada!

Clarisa (celular) – Como é que é, queridinha? Me conta isso direito, não estou entendendo.

Nicole (celular) – Hoje mais cedo o Johnny sofreu uma overdose e faleceu, espero que você esteja feliz, querida, as porcarias que você tanto vendeu a ele e a mim fizeram um efeito devastador.

Clarisa (celular) – Agora eu gostaria de dizer que culpa eu tenho nessa história toda? Eu apenas vendo drogas, se meus clientes passam do ponto o não, já é outra história.

Nicole (celular) – Você foi a primeira a nos por nesse caminho, e depois que entramos, jamais saímos, e o Johnny acabou saindo da pior forma graças a você. Fique sabendo que essa história não terá um ponto final tão cedo, você me tirou um amigo, é a responsável pelo fim de uma vida, mas você vai acertar muitas contas ainda por causa disso.

Clarisa (celular) – Isso é uma ameaça? Pois então, fique sabendo que essa não é a primeira e nem será a ultima vez que um cliente meu morre de overdose, e você acha que eu ligo e lamento por isso? Não tenho o mínimo de responsabilidade se vocês drogadinhos não sabem usar na medida certa, eu apenas forneço as drogas. E pense muito bem antes de me ameaçar, posso ser uma pedra no seu caminho, e se você pensar em me denunciar, saiba que eu acabo com a sua vida num piscar de olhos. Agora vou desligar, meu dia foi bem difícil, e por isso, não vou ficar aqui ouvindo ameaças e desaforos de uma idiota feito você, que não passa de uma idiota. Passar bem, e tomara que você vá pro inferno junto com esse seu amiguinho.

Clarisa desliga seu celular após as frias palavras ditas para Nicole, e em seguida, ela volta a escovar seus cabelos, enquanto encara o reflexo do espelho com uma expressão de ódio.

CENA 16, MANSÃO OLMEDO-DORANTES, JARDIM, INTERIOR, NOITE

Camila está sentada em um dos bancos de jardim, sozinha no completo silêncio do ambiente; De repente, Ângelo surge e se aproxima da jovem, que imediatamente se levanta.

Camila – Ainda por aqui? Pensei que já havia ido para o hotel, descansar após esse longo e turbulento dia…

Ângelo – Até que eu gostaria, mas se eu fosse, iria acabar me torturando em ver fotos do meu irmão, e chorar, porque seria o que me restaria após tudo isso…

Camila – E você esqueceu toda essa ideia de vingança? Porque por mais que a Clarisa mereça pagar, essa história só trouxe desgraças.

Ângelo – Já acertei minhas contas com a Clarisa, não como eu gostaria, já que por mim, ela morreria ali nas minhas mãos, mas sim, esqueci tudo isso, apesar de que esquecendo essa história, isso na traria você de volta para mim…

Ângelo pegas nas mãos de Camila, que se sente recosa; Ela olha para o lado e suspira, após Ângelo tocar na ferida que envolve ambos.

Camila – Eu serei sincera com você: Eu realmente te amo, te amo e não vou te esquecer tão fácil, mas eu me machuquei muito por sua conta, tanto fisicamente quanto emocionalmente. Você foi um verdadeiro monstro comigo, e acho que também não vou superar isso tão cedo.

Ângelo – Eu tenho consciência de tudo isso, mas acho que nem todo o arrependimento do mundo seria capaz de te trazer de volta para mim. Mas se eu ganhasse apenas uma chance…

Lentamente, Ângelo aproxima seu rosto do de Camila, estando prestes a lhe beijar, e com o momento, ela acaba cedendo, porém, estando a centímetros da boca de Ângelo, Camila se afasta e fica de costas para o rapaz, cruzando seus braços enquanto faz uma expressão de arrependimento por ter recusado o beijo, que demonstraria sua verdadeira fraqueza.

Camila – Eu não posso, Ângelo, nosso amor é muito impossível, nós dois não poderemos mais ficar juntos e é melhor que aceitemos isso. Tentarei te esquecer, por mais que me doa, mas é o melhor a se fazer.

Ângelo – Mas Camila, nós dois nos amamos e superamos os problemas que puseram nosso casamento em apuros, me deixe provar que ainda poderemos voltar a ser felizes…

Camila – Eu não posso, prometi a mim mesma que eu não demonstraria fraqueza em minhas decisões, e espero que você me respeite. Talvez um dia, mas por enquanto, não, nós dois saímos muito machucados disso. Apesar de que a culpada de tudo esteja começando a Agar pelo mal que cometeu com juros, ela deixou uma ferida enorme em nossos corações e ela demorará muito tempo para cicatrizar.

Uma lágrima escorre do rosto de ambos, e com isso, Ângelo também fica de costas para Camila; Em lágrimas, eles suspiram, e ela vira seu rosto para o outro lado, porém rapidamente o desvira, para não demonstrar sua fraqueza; E este é o fim do casal, que por hora, encontra-se fragilizado, e mesmo amando um ao outro, decidem manter-se afastados por um longo tempo.

CENA 17, MANSÃO OLMEDO-DORANTES, QUARTO DE CLARISA, INTERIOR, NOITE

Clarisa caminha pelo quarto, conversando ao telefone com Eric, sobre todos os detalhes do que ocorreu.

Clarisa (telefone) – É isso, Eric, a barra está preta para o meu lado, todos agora sabem quem eu verdadeiramente sou, e não vai adiantar muito fingir arrependimento, graças à Camila. E de bônus, tenho uma drogadinha me ameaçando por causa da morte de um amiguinho dela por overdose, ou seja, minha vida está um completo lixo.

Eric (celular) – Agora eu tô entendo porque aquela múmia velha não quis deixar eu entrar para falar com você… Mas e agora, o que você pretende fazer?

Clarisa (celular) – Não sei ainda, estou com umas ideias, mas sei lá, vamos ver. O importante agora é que eu vou destruir a Camila e o idiota do Ângelo, os dois vão me pagar por cada tapa e cada ameaça que me fizeram, isso eu juro.

Ela para em frente ao espelho, encarando o seu reflexo com uma diabólica expressão, enquanto conversa com Eric.

Eric (celular) – O que você quer dizer? Não me diga que agora vai querer se vingar deles…

Clarisa (celular) – É, essa é a palavra certa, vingança… O Ângelo comandou uma vingança para cima da Camila, mas no fim, eu acabei pagando por tudo. Pois bem, quem dita as regras desse jogo agora sou eu, a vingança mudou de lado. Todos vão me pagar, sem exceção… Camila, Ângelo, tia Salma, tio Leon, João, Gema, tia Alma, tio Marcelo, tia Rebeca, Nicole… Todos que estão ao redor da Camila e do Ângelo vão conhecer realmente a minha verdadeira face, já que acharam pouco tudo o que viram naqueles papéis. Eu juro Eric, não descansarei em ver todos eles debaixo da terra, pagarão com sangue por tudo o que me fizeram. Me aguarde, Eric, esse jogo não termina por aqui, o ponto final quem dará sou eu, e isso, muito em breve.

Com uma decidida e diabólica expressão no olhar, Clarisa encara seu reflexo no espelho, enquanto aos poucos, um sorriso maléfico é esboçado pela jovem, que estava decidida a vingar-se de todos que se encontravam a seu redor; Enquanto ri diabolicamente de seu plano, de repente, o espelho no qual Clarisa encarava seu reflexo se quebra, e em cada estilhaço, é refletido o rosto maligno da jovem, que cada vez mais, ri.

CONTINUA…

A Desonra - Teste 2

EM BREVE…

Anúncios

83 thoughts on “A Desonra – Capítulo 26 (Último Capítulo)

  1. Antes de mais nada, eu gostaria de agradecer a todos que acompanharam A Desonra, um trabalho no qual a principio, eu era apenas um colaborador, mas que quando me caiu a missão de ser autor principal, eu fiquei bastante contente. Eu havia prometido que não escreveria mais web-novelas, mas A Desonra me encantou de uma tal maneira que eu quis tanto ter uma participação nesse projeto que o @ricardojunior16, inicialmente o autor da trama, me deixou a cargo da produção, e espero não ter decepcionado ele, né. 😛 – Quero agradecer também o @brenddofarias por ter me dado essa oportunidade e por ter confiado em mim dessa vez, após eu ter causado transtornos grandes com Torre de Ilusões e com Um Rosto e Três Corações, e também ao @airtonlucion, por sempre ter acompanhado de perto a produção da trama, ter feito sugestões, críticas e etc. Sem vocês A Desonra não seria nada, eu escrevi pensando em todos que acompanharam, escrevei com a missão de apresentar algo com qualidade e sem furos, recessos e etc. Mas enfim, chega de agradecimentos, agora vamos partir para algumas curiosidades sobre a trama?

    Inicialmente, A Desonra seria escrita pelo Ricardo, e também se trataria de uma adaptação de La Mentira, uma novela a qual nós dois gostamos muito. Camila e Clarisa inicialmente seriam interpretadas por atrizes brasileiras, e elas eram Agatha Moreira e Bruna Hamú.
    Chegamos a escrever juntos algumas cenas do primeiro capítulo, mas ai, o Ricardo decidiu passar a trama para as minhas mãos por ter se agradado da minha escrita naquele período.
    A ideia de separar a trama em temporadas veio logo no inicio da produção, pois a trama tem duas fases grandes e também, bastante distintas. Eu acabei usando apenas os argumentos da primeira fase de A Mentira na primeira temporada, já a segunda, terá rumos e acontecimentos bastante originais (com exceção de algumas coisas).
    O tema de abertura da trama deu bastante trabalho, foram cogitadas algumas músicas do Enrique Iglesias como El Perdedor e Cuando me Enamoro, essa última, utilizada em uma das versões de A Mentira na Televisa.
    Núcleos de A Mentira foram cortados em A Desonra e personagens tiveram seus perfis mudados, outros, foram criados. Exemplos são Nicole, que em A Mentira, era uma fotógrafa que se envolve com Demétrio na reta-final, já aqui, ela era a melhor amiga da mocinha, uma jovem problemática que se envolve com drogas. Já Vânia e Eduardo, os irmãos de Camila, não existiam em A Mentira. O tio de Camila e Clarisa, aqui, é o pai biológico da primeira, enquanto em A Mentira seu parentesco com ela era apenas de tio e sobrinha, enquanto Rebeca, a mãe de Camila, é irmã de Salma, enquanto em A Mentira elas não tinham nenhum parentesco familiar.

    Enfim, é só isso, eu gostaria de desejar a todos uma boa leitura, e aqueles que não acompanharam a trama e tem vontade de comentar a respeito do capítulo, leiam o especial “A Desonra – Rumo ao Grande Final”. Ah, e eu prometo responder todos os comentários com pontualidade, viu? Se eu não responder agora ou depois, foi porque eu fui dormir, mas logo que eu puder eu respondo, e juro que vou responder todos os atrasados. 😛

    Curtido por 9 pessoas

  2. Eu achei essa web simplesmente perfeita, em todos os quesitos
    Nunca achei que A Desonra seria feita com um elenco brasileiro
    Parabéns Willian, considero A Desonra como uma das minhas web-novelas favoritas

    Curtido por 1 pessoa

  3. Clarisa chegou ao fundo do poço. Ângelo e Camila conseguiram enfim pôr abaixo a imagem de boa moça que ela cultivava perante o Leon, a Salma e o João. Ela foi desmoralizada, foi humilhada, apanhou, chorou muito e inclusive foi ameaçada pela Nicole por causa da morte do Johnny. Mas isso não foi suficiente para acabar com a Clarisa, fazê-la desistir de defender seus interesses. Só a morte pode pará-la.

    Curtido por 1 pessoa

  4. Amei a Clarisa sendo desmascarada, a cena do perdão entre tia e sobrinha foi linda e a cena de Camila e Ângelo no jardim também. Amei toda a trama e que venha a segunda temporada. Parabéns William! Quando vai estrear a segunda temporada?

    Curtido por 1 pessoa

    • Bom Dani, eu ainda não sei bem, mas a garantia é de que estreie ainda em Setembro, já que minha frente de capítulos está bem escassa. No mais, fico muito feliz que tenha gostado do capítulo e agradeço sua presença durante todos os capítulos. 😀

      Curtido por 1 pessoa

  5. E o que falar dessa fabulosa trama?
    Foi muito bom acompanhar até aqui essa aventura (mexicana
    Camila uma nadinha,Mas teve seus momentos de brilho afinal é a protagonista!
    Clarisa arrasou em todos os sentidos!,Do começo ao fim foi uma vilã muito bem construida!
    Salma que eu acha que seria vilã tambem,Mesmo não sendo éla é outra diva!
    João um troxa!,capacho da Salma e da Clarisa,risos
    Eric o capacho da Clarisa,Aquele que não fez nada alem de comer a Clarisa e beber cerveja,risos
    Angêlo e os demais personagens são uns verdadeiros bossais!,Que prefiro nem falar sobre eles afinal são inferiores a Rainha!
    Parabéns William você nos presenteou com uma boa trama!,Apesar da web ter seus erros ortograficos foi maravilhoso acompanhar essa Odisseia que no acabou!
    :O vai ter 2 temporada!!!!!!!!!!!

    Curtido por 1 pessoa

  6. O que falar desse final em William? Cara, estou sem palavras!! Parabéns de verdade, por tudo. Mas principalmente pela a grande vilã Clarisa! Me apaixonei por essa personagem desde quando ela foi anunciada no chamadão do perfil dela. Ela superou a Virgínia com folga sem dúvidas, na minha opinião. A 1ª Temporada foi muito maravilhosa. Espero me surpreender + ainda com a 2ª. A vingança da minha Clarisa vai começar. (É a 1ª vez em que eu prefiro uma vilã, do que uma mocinha em uma na web) Obrigado por me fazer experimentar gostar mais da antagonista do que da protagonista. Nos veremos na 2ª SEGUNDA TEMPORADA!

    Curtido por 1 pessoa

    • Fico muito feliz que tenha gostado da web, e principalmente da vilã, a qual eu resolvi dar meu toque original. Agora na segunda temporada poderemos ver muito mais maldades vindas da Clarisa, um verdadeiro diabo. Muito obrigado. 😀

      Curtir

  7. Morto com:

    Reclassificação para 12 anos no último capítulo
    O titulo do capítulo foi o melhor de todos
    Essa última cena da Clarisa e esse final sensacional, parabéns!

    Curtido por 1 pessoa

  8. A temporada terminou em grande estilo, a web foi muito boa. Clarisa ainda vai pagar muito, e eu espero que a Nicole a denuncie por tráfico de drogas. Morri que a Camila e o Ângelo não ficaram juntos. E Salma se arrependeu, chocada. Parabéns :*

    Curtido por 1 pessoa

    • Nicole será um grande obstáculo a partir de agora para a Clarisa, e ela terá muito destaque, garanto. Dessa vez não, mas quem sabe na próxima eles não ficam juntos? Muito obrigado. 😀

      Curtido por 1 pessoa

  9. Se Clarisa tá dizendo que vai se vingar é por que ela vai por que nunca ela falou uma coisa e não fez ela sempre realizou tudo que era planejado na mente diabólica dela e em breve todos irão ficar nas mãos dela e vão passar por coisas horríveis só esperando A Desonra 2 e que choque com esse final nem o espelho aguentou a megera da Clarisa chega to com pena do espelho outra vítima da Clarisa!

    Curtido por 1 pessoa

  10. Capítulo 25

    Chocado com o barraco no casamento, e essa foi apenas a primeira parte do show da rainha Camila, a segunda teve Clarisa definitivamente no chão, sendo desmascarada perante todos. E ainda tivemos um excelente embate entre Rebeca e Salma, trazendo a tona ressentimento de um passado mal resolvido.

    Capítulo 26

    Camila joga as provas dos crimes de Clarisa ao vento para todos verem, a máscara caiu e Salma ficou sem chão, a sua queridinha que ela julgava ser perfeita se mostrou o oposto, apenas sentir o tombo. E Clarisa, rainha como sempre fingiu estar arrependida, mas ninguém acreditou, mesmo com a atuação excelente. Johny (nem sei se tá certo) morreu, não me trouxe nada, foi um personagem praticamente irrelevante e passou despercebido, mas sua morte serviu para Nicole se revoltar contra Clarisa. E Ângelo e Camila permanecem afastados, não vou mentir, adoro, quero Ângelo se arrastando atrás da Camila. E a temporada terminou com Clarisa jurando vingança contra todos os Olmedo-Dorantes e quem estiver próximo a eles, até o espelho se quebrou com a fúria da rainha, grito com o poder.

    Então né, tramas mexicanas não são muito meu forte,  mas A Desonra me cativou, o ponto alto foi as duas protagonistas, muito bem construídas e ambas fortes, a mocinha despertou torcida e a vilã apesar de ser cruel e fria, também foi amada. Enfim, Willian, essa foi a primeira trama sua que eu li completa, e só comprovei que você é um excelente autor, essa primeira temporada foi excelente e a segunda promete ser ainda melhor, com Clarisa tomando o protagonismo para si de vez, e ainda o desfecho da busca de Rebeca pela filha Camila, e também teremos Nicole atormentando Clarisa, ao que parece. Tem muita história ainda, adoro.

    No aguardo da segunda temporada, promete muito. Parabéns Willian. ❤

    Curtido por 1 pessoa

    • Salma ficou muito sem chão mesmo, realmente não esperava que o monstrinho que ela criou se rebelasse dessa maneira. Mas agora novos rumos a esperam na próxima temporada. Realmente Johnny e Nicole não tiveram o destaque merecido, mas a morte dele fará com que a Nicole tenha muito, mas muito destaque na próxima temporada, já digo, quase uma protagonista. Infelizmente Ângelo e Camila não ficaram juntos, mas quem sabe na próxima, né? E Clarisa agora vai aprontar o dobro do que aprontava, a rainha. Muito obrigado mesmo por ter acompanhado todos esses capítulos e pelos elogios, Jean. 😀 ❤

      Curtido por 1 pessoa

  11. Clarisa tem sua máscara retirada por Camila, a pessoa com quem a mesma inventou tamanhas mentiras para conseguir infernizar sua vida. Em grande estilo, Camila mostra as provas que comprovam que sua prima não é aquela mulher perfeita que todos imaginaram. A principal pessoa que sofreu após descobri tamanhas atrocidades foi Salma, que não perdoou Clarisa e foi pedir perdão a Camila por sempre à tratar mal. Camila perdoou a tia, uma atitude linda, sem mais. Essa história de Ângelo e Camila só esta no começo, tem muitas coisas vindo por aí acredito. Nesse final ficou claro que os dois ainda se amam e pretendem se distanciar mesmo que o sentimento seja mais forte. Veio de fininho e arrebentou nesse final, vulgo núcleo da Nicole que ao mesmo tempo sendo ameaçado por Clarisa, pode ser tornar uma grande pedra no caminho dela. Socorro que deduziram a morte de Gilbert. Alma poderosa! Esse gancho só nos deixou mais ansioso pela continuação que promete muitas cenas de tirar o fôlego. Clarisa agora vai mostrar pra todos quem ela é de verdade.

    E aqui se encerrou a primeira trilha de uma das melhores webs que já li e que posso dizer que é uma das minhas favoritas. Você, Willian, conseguiu trabalhar numa sinopse difícil que é de “La Mentira” de uma forma genial sem enrolar ou fazer uma cópia da trama original. A cada capítulo eu sentia um toque seu ali, um toque não, um borrão original e perfeito. “A Desonra” vai ficar marcado não por ser uma web novela que foi dividida em duas temporadas, mas por ter diálogos aplausíveis, alta qualidade, uma história magnifica que foi desenrolada de um jeito exepcional, personagens maravilhosos (Camila principalmente). Nunca duvidei do seu talento, mas “A Desonra” foi o seu melhor trabalho. 1,2,3 Parabéns não seriam suficientemente para mostrar o quanto você arrasou. Enfim, foi um prazer acompanhar essa primeira temporada e será um grande prazer ler a segunda. Agradeço por vc ter nos presenteado com esse web novelão digno de tv. Parabéns, Willian, e que venha a continuação. 😀

    “…Soy esclavo en tu cuerpo que quema, en un juego que soy ganador. De noches eternas…” 🎵🍃❤ Vou sentir saudades!

    Curtido por 1 pessoa

    • Camila pagou na mesma moeda, sofreu nas mãos de uma vingança, mas se vingou com classe, mas uma vingança que pode ser chamada de justiça. Salma a partir de agora deixará as maldades de lado, ela está totalmente arrependida e vai defender a Camila com unhas e dentes. Nicole agora irá desejar que a Clarisa pague pela morte do Johnny, seu destaque aumentará e muito na próxima temporada. Realmente esse é só o começo para Camila e Ângelo, muita coisa está por vir, tanto boas quanto ruins. Clarisa agora sim mostrará sua real face do mal, vai infernizar a todos de verdade.

      Olha Fred, eu não sei nem o que dizer, seus comentários sempre me dão ânimo, é por causa de comentaristas como você que A Desonra foi para a frente, e também, porque resolvi apresentar algo com qualidade e sem ter sido feito as pressas. Muito obrigado mesmo, e espero não te decepcionar na próxima temporada. 😀 ❤

      Curtido por 1 pessoa

  12. Mas, gente…
    Essa Camila é uma rapariga, amo forte ❤
    Além de ter feito tudo o que fez, ela ainda continua com sua ideia de vingança, uma venenosa ela.
    Vamos ver o que ela vai fazer na segunda temporada.
    Amei a surra que ela ganhou de Ângelo, e também achei melhor ele e Camila terem um final separados.
    Enfim, não posso dizer muita coisa porque parei no início da web por falta de tempo, mas parabenizo você por esse sucesso que foi “A Desonra”, fico muito feliz que a web esteja com 23 de MG até o momento e tomara que bata recorde assim como o final de OPDV e feche com uma MG maior. Parabéns, Willian, sua diva lacradora.

    Curtido por 1 pessoa

  13. Estou mortificado aqui com esse grande, surpreende, emocionante e maravilhoso final!
    A Clarisse é muuuiiitooo diva!!!! Estou apaixonado por essa puta!
    #. ❤❤❤❤
    Parabéns pelo maravilhoso capítulo, pelo maravilhoso final e pelo grande sucesso!
    Que venha logo a segunda temporada e que ela lacre tanto como essa!
    #. ❤😄😃😁

    Curtido por 1 pessoa

  14. Finalmente todos sabendo quem é a verdadeira Clarisa. Morto que o Jhonny se deu mal, mas é o destino pra quem escolhe esse caminho. Rainha Salma pede perdão a Camila, amo. Clarisa leva uns tapas do Ângelo merecidos. Clarisa agora vai começar a agir sem se esconder por trás daquela sonsa que ela era. Nem a Salma vai escapar da sua lista. VEM Segunda temporada, maldades da Clarisa vão dominar. Parabéns pelo trabalho Will 😀

    Curtido por 1 pessoa

    • Clarisa vai aprontar em dobro agora, pode esperar, nem todo esse castigo fará ela mudar. A morte do Johnny vai acarretar em muitas consequências para a Clarisa também, garanto. Salma vai sofrer bastante também, isso porque ela só vai procurar fazer o bem a partir de agora. Obrigado Ítalo. 😀

      Curtir

  15. Pois bem, minhas aulas voltaram e mesmo assim estou aqui, felizmente. Estive e estou bastante ocupado esses dias, por isso a dificuldade de acompanhar a web fielmente, mas não posso deixar de dar minhas impressões sobre a web, já que essa reta-final tenha sido excelente, assim como a web ao todo. Felizmente a verdadeira face de Clarisa foi descoberta, graças à maravilhosa Camila, amo. Excelente surra que ela deu na Clarisa, adooooro, a vagabunda pagou por todo mal que fez, apesar de amar a personagem. Salma indo pedir perdão ajoelhada a Camila, mortes, melhor cena desde já. Aliás, ela pagou com a língua por ter confiado tanto em Clarisa, sem imaginar que na verdade ela é o diabo encarnado, mas felizmente ela descobriu sua farsa. Pois quero Ângelo e Camila juntos. E a cena final, gritooo, Clarisa vai se vingar de todos, adooooro.

    Bem, desde o princípio tinha a certeza de que A Desonra seria um luxo, e não me enganei, personagens e texto excelente, é perceptível mesmo a evolução que você teve desde O Amor é Um Jogo. No mais, você é um autor excelente e com certeza arrasará na segunda temporada da web, que apesar de eu estar ansioso para acompanhar, não sei se consiguirei, pois meu tempo não está colaborando, mas tentarei acompanhar, não vou prometer, pois sempre que prometo, tem a possibilidade de não cumprir. Mas enfim, Clarisa foi uma rainha, melhor personagem, sim. Camila apesar de ser uma mocinha típica, não foi uma completa pamonha, foi uma mocinha de personalidade forte, e eu gosto disso, mas continuo com Clarisa pois não sou obrigado, ok. E vou fechar meu comentário lhe parabenizando e desejando boa sorte com a próxima temporada. Parabéns, Willian! 😀

    Curtir

    • Ai Thay, fico feliz que tenha conseguido um tempinho para se atualizar com a web. ❤ – Agora todos sabem o demônio que a rainha é, mas ela tá bem sedenta, prometo ótimas cenas dela na segunda temporada. Salma pagou mesmo por ter feito dela uma pessoa ruim, mas não contava que ela atingiria limites superiores. Será que eles ficarão juntos na segunda temporada? Fico muito contente com os seus elogios, e que assim como todos, tenham percebido o que eu quis trazer, uma web com um texto muito evoluido. Muito obrigado Thay, e rezarei para que você consiga acompanhar a segunda temporada. ❤

      Curtido por 1 pessoa

  16. Demorei, mas cheguei, adooooooooooooooooro! Pois muito que bem, vamos falar sobre o final dessa web-novela que foi puro luxo…

    O tão aguardado desmascaramento de Clarisa chegou e a cena da Camila tirando a máscara da prima na frente de toda a família, foi incrível e empolgante! A exposição foi tão grande que Clarisa sequer conseguiu se defender, o choque foi superior a vontade de se inocentar, mas também não havia muito o que ser feito, as provas eram óbvias. Salma desabafa com Leon sua decepção com Clarisa, finalmente demonstra arrependimento pela forma estúpida que tratava Camila. João despreza Clarisa quando ela o procura, gosto assim. Chocado com a overdose de Johnny, que morte triste! Salma pede perdão para Camila, selando a reconciliação de tia e sobrinha, cena muito emocionante!

    PAUSA PRA ABERTURA LACROSA, AI EU NÃO ME CANSO DE ASSISTIR ❤ ❤ ❤ ❤

    Ângelo se vinga da verdadeira “a bela”, ai como eu vibrei com essas bofetadas que ele deu na Clarisa, além de esganá-la, a vagabunda desgraçada mereceu! Leon lembra da morte de Dr. Gilbert e toda a família começa a suspeitar que Clarisa esteja envolvida nesse crime. Clarisa implora perdão a Salma, que rejeita a sobrinha. Cansada de não conseguir convencer nenhum familiar de sua inocência, Clarisa resolve se vingar de todos. Nicole avisa Clarisa que Johnny morreu e ameaça a vilã, que troca ameaças com a drogada. Ângelo tenta reatar o casamento com Camila, eles trocam frases de amor e quase se beijam, mas a mágoa acaba os distanciando. E na última cena, temos Clarisa tramando uma vingança a família Olmedo-Dorantes com seu cúmplice, Eric.

    Acabou??? Já??? Ai, como passou rápido… Então queridíssimo @willianmx, o que eu posso lhe dizer nesse final? Parabéns, parabéns e muitos parabéns! Você amadureceu muito seu texto, que está afiadíssimo e perfeito, fora que todo o desenvolvimento da trama provou que é seu melhor trabalho até o momento. Gostei de todas suas webs aqui no blog, mas sem dúvida “A Desonra” é a melhor. Meus sinceros parabéns por finalizar esse projeto e aguardo ansioso pela segunda temporada, tem tudo pra mantar a qualidade e superar em termos de história! Agora, vamos brindar o fim dessa trama que lacrou em todos os sentidos! 😀 ❤

    Curtido por 1 pessoa

    • O mundo da Clarisa caiu… Mas por poucas horas, porque agora, ela tá disposta a acabar com todo mundo, e Camila e Nicole serão as responsáveis por toda essa fúria dela. Salma se redimiu, mas está longe de ter paz mesmo assim, Clarisa também jura acabar com a tia. Camila e Ângelo por enquanto, vão ficar um pouco de molho, longe um do outro. Mas quem sabe na próxima temporada.

      Ai Airton, muito obrigado mesmo pelos elogios, você como um dos leitores mais assíduos da web sabe que eu tentei ao máximo fazer algo com ótima qualidade para ser reconhecido, e acho que consegui, né? Muito obrigado mesmo. ❤

      Curtido por 1 pessoa

  17. Willian, quero te parabenizar pelo sucesso e reconhecimento de uma obra sua que você tanto esperava, foi muito mais que merecido. E sim, a melhor coisa que fiz foi ter passado o bastão da adaptação para que você pudesse alcançar esse momento, fico muito feliz por A Desonra ter tido toda essa aceitação do público.

    Curtir

    • Ai Ric, eu que agradeço a você, por ter me confiado a web na qual você iria se dedicar e estava pronto a voltar a escrever. Fico muito contente que tenha gostado do resultado, de verdade. ❤

      Curtido por 1 pessoa

  18. Então Lênne, primeiramente eu devo uma explicação pela qual não comentei nos capítulos anteriores: nessas últimas semanas, eu tenho dedicado todo o meu tempo estudando e me preparando para uma prova muito importante de um curso, essa prova é decisiva pra mim, se eu for aprovado, eu finalizo com sucesso o meu curso ainda esse ano, mas se não passar, terei que fazer essa prova novamente em janeiro, e eu quero terminar logo o curso para poder voltar a minha rotina de antes aqui no blog, porém, nessas semanas eu terei que me dedicar especialmente para essa prova, me desculpe não ter comentando nos capítulos, não quero de forma alguma que você pense que eu larguei sua web por não gostar dela, pois como eu ressaltava muito nos comentários específicos, “A Desonra” é um novelão e seguiu ótimos rumos e teve grandes personagens e reviravoltas, pena que eu não pude acompanhar o desfecho da primeira temporada 😦 Mas antes que a próxima temporada se inicie, eu pretendo me atualizar na web e formar um mega-ultra-comentário específico sobre todos os capítulos que eu perdi, novamente, mil desculpas por não ter comentando nos capítulos anteriores, me sinto até constrangido em comentar sem falar do último capítulo da web, não quero que pense que eu abandonei a web sem mais nem menos, e mesmo que meu comentário não esteja mais valendo audiência, eu deu meus parabéns pela criação e pelo sucesso da web, sucesso mais do que merecido, pois sei que “A Desonra” é ótima e pretendo me atualizar nela, e novamente, mil desculpas, Lênne! 😥 😉

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s