O Amor é um Jogo – Capítulo 24 (antepenúltimo capítulo)

o-amor-e-um-jogo-classificacao

CENA 1, COLÉGIO ESCOLHAS, EXTERIOR, DIA

Karen está dentro de seu carro, estacionado a alguns metros de distância do Escolhas.

Karen – Ai que demora, cadê aquela imbecil?

Karen vê Giovana e Miguel passarem abraçados a sua frente, mas eles não reparam que Karen está próxima.

Karen – Casal tosco, principalmente você, Giovana… Mas sua hora ainda vai chegar…

Karen olha para o lado e havista Cláudia, que se prepara para atravessar a rua.

Karen – Até que enfim você apareceu, traidora… Melhor já ir treinando suas últimas palavras, porque sua hora chegou!

Karen liga seu carro e coloca seu pé no acelerador; Cláudia atravessa a rua sem olhar para os lados, e consequentemente, não percebe o carro de Karen vindo em sua direção em alta velocidade. Giovana percebe o carro de Karen ir em direção à Cláudia e grita.

Giovana (gritando) – Cláudia, cuidado!

Cláudia olha para o lado e percebe o carro vir em sua direção, mas antes que pudesse fazer algo, o carro lhe atinge, lhe fazendo rolar por cima do carro e cair no chão com a boca e o nariz ensanguentados; Karen foge em alta velocidade, rindo maleficamente; Giovana e Miguel se apavoram, e correm até ao corpo de Cláudia. Desesperada, Giovana tenta acordar Cláudia, lhe dando leves tapas no rosto.

Giovana – Cláudia, acorda! Acorda! Acorda, pelo o amor de Deus!

Cecília – Meu Deus, ela tá morta?

Abraçada em Felipe, Victória chora, ao ver sua amiga estirada e ensanguentada no chão.

Victória (chorando) – Ela tinha razão, ela tinha razão! A Karen ia cumprir suas ameaças! Minha amiga não pode morrer, não pode!

Felipe – Ela vai ficar bem, vamos rezar para que fique!

Miguel se aproxima de Cláudia e começa a checar sua pulsação.

Miguel – Pessoal, ela tá viva! Chamem uma ambulância, rápido!

Miguel e Giovana se entreolham preocupados, após verem do que Karen pode ser capaz de fazer.

CENA 2, CASEBRE, EXTERIOR, DIA

No meio de uma mata, Karen estaciona seu carro e sai de dentro, correndo em direção a um casebre próximo; Ela entra no casebre e tranca a porta.

Karen – Depois disso, tenho certeza que a polícia vai querer vir atrás de mim!

Karen se afasta da porta e começa a andar pelo o local, olhando com desprezo para o estado da casa.

Karen – Que choupana imunda! Eca, que nojo, isso deve estar cheio de insetos! Mas isso é provisório, é provisório…

Karen pega uma cadeira totalmente suja e se senta, com nojo de toda a sujeira ao seu redor; Ela saca seu celular de seu bolso e começa a olhar algumas fotos de Miguel.

Karen – Isso o que está acontecendo é culpa sua, tudo culpa sua! Por que foi aparecer no meu caminho? Por que eu fui me apaixonar por você?

Karen começa a olhar algumas fotos suas com Giovana.

Karen – Éramos tão amigas, irmãs, patricamente… Mas por que você foi querer o mesmo garoto que eu? Olha o que você me obrigou a fazer, sua desgraçada! Fiz tudo isso por amor, mas também, por ódio, por ódio a você.

Karen desliga seu celular e coloca em seu bolso.

Karen – Ai Karen, o cerco está se fechando para você, mas pelo menos, você tá se vingando de todos… Já matou a Cláudia, só falta a Giovana, e depois, o destino dirá…

Karen respira fundo e olha a frente com um olhar vago.

CENA 3, HOSPITAL, INTERIOR, DIA

Os paramédicos entram correndo no hospital, levando Cláudia em uma maca; Giovana, Miguel e Victória entram logo atrás, a espera de notícias.

Victória (chorando) – Eu não quero que a minha amiga morra, ela tem que ficar boa!

Giovana – Calma Vicky, ela vai se sair bem dessa, você vai ver!

Miguel – A Karen demonstrou que é uma psicopata depois desse atropelamento, uma pessoa dessas merece apodrecer na cadeia.

Giovana – Eu só vou ficar à espera de mais notícias sobre o estado da Cláudia, e ai, irei na polícia dar queixa dela. Isso não pode mais ficar assim.

Victória (chorando) – Faz bem, essa garota merece apodrecer atrás das grades após esse monte de atrocidades.

Victória continua chorando, enquanto Giovana lhe abraça, compadecida do sofrimento de Victória.

CENA 4, COLÉGIO ESCOLHAS, SALA DOS PROFESSORES, INTERIOR, DIA

Carla serve três xícaras de café e em seguida, põe a bandeja em cima da mesa, onde onde estão Renata e Rosana.

Rosana – Estou chocada até agora, como essa menina foi capaz de tentar matar alguém, ainda na frente do colégio?

Carla – Desequilibrada essa menina não é, porque ela sabe muito bem o que faz. E o pior que ela diz que todas essas atrocidades foram cometidas por amor ao Miguel.

Renata – Definitivamente, a gente deve tomar providências mais graves com essa menina, porque eu vejo que expulsá-la do colégio não adiantou muito.

Carla – Muito pelo o contrário, acho que isso só prejudicou essa menina.

Rosana – Bom, acho que você deve agir, Renata, tem que dar parte dessa menina antes que ela chegue a matar alguém.

Renata – Sim Rosana, farei isso o mais breve possível…

Um olhar decidido toma conta de Renata, que está disposta a denunciar Karen.

CENA 5, HOSPITAL, INTERIOR, DIA

Giovana, Miguel e Victória estão sentados em algumas cadeiras no corredor, à espera de novas notícias sobre Cláudia; De repente, Danilo entra apressado no hospital.

Danilo – Cadê a Cláudia? Ela está bem? Como ela está?

Giovana se levanta e se aproxima de Danilo.

Giovana – A gente está sabendo tanto quanto você, estamos esperando notícias a quase uma hora.

Danilo – Eu não consigo acreditar que minha irmã foi capaz disso, tentar matar alguém dessa maneira…

Giovana – Karen terá que se acertar com as autoridades, isso o que ela está fazendo é inacreditável.

De repente, um médico se aproxima de Giovana e Danilo; Victoria e Miguel se levantam e também se aproximam.

Médico – Vocês que estão esperando a paciente Cláudia Santiago?

Victória – Sim doutor, é a gente sim.

Giovana – Ela está bem?

Médico – Olha, eu não vou mentir para vocês que a paciente está em um estado delicado, até porque, ela perdeu muito sangue no atropelamento.

Giovana – Isso quer dizer que…

Médico – Sim, a paciente precisará passar por uma transfusão de sangue, para assim, poder reagir melhor.

Giovana – Claro doutor, qualquer um de nós aqui estaria disposto a doar o sangue que a Cláudia precisa.

Médico – Vamos com calma… O tipo sanguíne da paciente é B+, e esse tipo sanguíneo está em falta no nosso banco de sangue do hospital. Algum de vocês tem este tipo sanguíneo?

Danilo se aproxima do médico.

Danilo – Eu sim doutor, meu tipo sanguíneo é B+…

Médico – Você poderia me acompanhar para fazer os devidos exames, para assim ver se você poderá doar o sangue para a paciente?

Danilo concorda com a cabeça, e faz um sinal para Danilo lhe acompanhar; Os dois caminham pelo o corredor do hospital.

Giovana – Bom, já que já recebemos notícias da Karen, eu acho melhor eu ir até a delegacia fazer a denuncia…

Miguel – Eu vou com você, será perigoso andar pela a rua com a Karen solta por ai.

Giovana concorda com a cabeça e Miguel se aproxima, lhe abraçando.

Victória – Bom gente, eu vou ficar aqui, qualquer coisa eu vou ligar para vocês. Tomem cuidado também.

Giovana – Pode deixar. Obrigada, Vicky.

Victória esboça um pequeno sorriso para Giovana, que lhe retribui o gesto; Giovana e Miguel saem do hospital, e Victória volta a se sentar.

CENA 6, CASA DE JOSÉ, QUARTO DE CAMILA, INTERIOR, DIA

Cecília está sentada na cama de Camila, a sua espera; De repente, Camila entra no quarto, carregando uma pilha de revistas de vestidos de noiva.

Cecília – Mas que revistas são essas, amiga?

Camila – Revistas dessas de noivas, quero olhar alguns modelos, e quero que você me ajude.

Cecília – Ai amiga, sou péssima para escolher qualquer coisa, imagina vestido de noiva? E mais, quem vai usar o vestido é você…

Camila – E você acha que eu entendo de vestidos de noiva? Me ajuda, vai!

Cecília – Ah, tá bom, tá bom!

Camila larga as revistas em cima da cama e começa a folhear algumas revistas,  enquanto Cecília faz o mesmo.

Camila – Ai amiga, estou nervosa com isso tudo de casamento, jamais eu ia imaginar que ia me casar, quanto mais ter que planejar essas baboseiras todas.

Cecília – E você, está feliz com isso tudo?

Camila – Feliz? Eu estou nas nuvens! Nunca pensei que ia acabar me animando com tudo isso, já que nunca liguei para esse tipo de coisa.

Cecília – Eu fico feliz demais por você, quem sabe eu possa ter um casamento com festa, vestido e tudo mais…

Camila – E você ainda duvida que terá? Você e o Breno se amam, já deviam se casar agora, né.

Cecília – Eu acho que vai ser impossível que a gente se case, sabe. Será que ele vai querer casar com uma mulher com AIDS, que terá bastante dificuldades pela a frente…

Camila – Ai amiga, começou? Olha, vamos ver esses vestidos aqui e não ficar falando disso, ok?

Cecília concorda com a cabeça, e em seguida, as duas voltam a folhear as revistas.

CENA 7, HOSPITAL, INTERIOR, DIA

Miguel e Giovana entram juntos no hospital, e Victória e Danilo se aproximam.

Victória – E ai, como foi lá?

Giovana – Sabiam que já fizeram uma queixa contra a Karen? A diretora Renata já denunciou tudo o que ela aprontou, como o incêndio no banheiro, o atropelamento. Então, já aproveitei e também denunciei aquela tentativa de atropelamento.

Danilo – Bom, de qualquer forma, a Karen oficialmente é uma foragida da polícia, só esperamos que ela seja encontrada.

Miguel – Ela tem que ser encontrada o mais rápido possível, uma hora ou outra, ela aparecerá para tentar mais algo como que ela fez com a Cláudia.

Giovana – O cerco está se fechando para a Karen, e em breve, ela estará atrás das grades!

Com olhares decididos, os quatro se entreolham, na esperança de que Karen seja presa o mais rápido possível.

valeapenaverdenovo

14 thoughts on “O Amor é um Jogo – Capítulo 24 (antepenúltimo capítulo)

  1. A Diretora Renata decidiu denunciar a Karen pelo incêndio no colégio.E a Giovana também aproveitou para denunciar sobre a tentativa de atropelamento.Que a Karen seja presa o rápido possível!
    Parabéns pelo capítulo!

    Curtir

  2. Poxa, não tive tempo, e já está acabando😪. Enfim, acompanhei esse lacre tremendo, quando passou! O Amor é um Jogo foi minha favorita pro enquanto ❤

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s