Anjos na Escuridão – Capítulo 08

CENA 01 – NECROTÉRIO – NOITE

Savana começa a se mexer lentamente sobre a mesa de metal, o frio começava a penetrar seu corpo. Ela se encolhe. Seus pés são os primeiros a tocar o chão, mas assim que olha para a porta ver um policial, parado.

SAVANA: O que foi? Nunca viu uma mulher pelada?

O policial não consegue dizer nada, surpreso com o que acaba de ver.

Savana vai se aproximando dele. Ela nota que o nome dele está bordado no uniforme.

SAVANA: Ricardo o que você quer para não contar a ninguém o que viu aqui?

Savana chega mais próximo dele, Tira a arma e o chapéu dele, coloca sobre a mesa de metal. Depois desliza os dedos para as alças da calça que prendiam o cinto, e puxa ele contra si. O policial se deixou levar sem resistência, apoiando as mãos na parede e pressionando o corpo contra o dela, até estarem completamente se tocando em todas as partes. A boca de Savana desliza até a dele, e o beija lentamente. O clima vai esquentando, Savana despindo ele, até os dois estarem completamente pelados no chão frio, fazendo amor.

Após alguns minutos…

SAVANA: Foi bom para você!

Ricardo  concorda com a cabeça.

SAVANA: Pois então espere que deixe isso em segredo…

RICARDO: Não posso, eu vou perder o emprego se fizer isso.

SAVANA: Se você não fizer isso perde a vida…

RICARDO: Isso é uma ameaça?

SAVANA: Não, um aviso.

Savana se levanta do chão, pegando arma do policial. Ela sabia que nem depois de um sexo ardente como o que eles tiveram, ele ia conseguir ficar de boca calada, então ela ia fazer o necessário para Ricardo ficar. Ela mira na cabeça dele.

RICARDO: O que você ta fazendo?

SAVANA: Comprando teu silêncio…

Ela atira na testa de Ricardo, que cai sangrando no chão.

CENA 02 – DELEGACIA – NOITE 

MALVINO: Então, conseguimos desvendar o caso das garotas desaparecidas e ainda desmanchar uma organização de tráfico.

VALENTINA: Isso foi tudo graças a vocês…

Na frente de Valentina, estava Gale, Clarice e Mel.

MEL:Uma coisa boa no meio disso tudo, mas vocês não conseguiram mesmo prender a Maya?

MALVINO: Encontramos apenas um corpo carbonizado lá dentro, talvez seja dela. Não havia formas dela sobreviver aquela explosão…

MEL: Queria tanto saber se ela era minha mãe…

GALE: Acho que foi até melhor, será que você ia aguentar ter uma mãe que faz o que ela fez?

MEL: Não sei, mas ficar na duvida é horrível.

Nesse exato momento Ian e Suzana entram na sala, correndo para abraçar Mel.

SUZANA:Ainda bem que você tá viva, já tava morrendo de preocupação com você!

IAN: Valentina como você deixou essas crianças irem com vocês, imagina… Não quero nem imaginar.

VALENTINA: Calma Ian, todo tempo eles estavam seguros…

MEL: Pai, não esquenta a cabeça com isso não, o importante é que o pesadelo acabou.

SUZANA: Já que o pesadelo acabou, eu quero dá uma festa… A festa que minha netinha não teve… Você ta convidada Valentina, na verdade todos estão…

CENA 03 – RUAS DA CIDADE – NOITE

Lua e Glaydson caminhavam pelas as ruas da cidade quando um delinquente abordou os dois.

DELINQUENTE: Passa a grana aí…

GLAYDSON: Ninguém vai passada nada.

LUA: Entrega o dinheiro logo pai…

GLAYDSON:Não…

Antes que ele pudesse de termina a frase o moleque enfia uma faca no pescoço de Glayson, que cai no chão, sangrando. O moleque foge. Lua fica em cima do corpo do seu pai, chorando.

CENAS DA CIDADE\AMANHECE

CENA 04 – CASA DA MEL – DIA

Todos se encontravam sentados a mesa no jardim da casa de Mel. Clarice, Ian, Suzana, Gale e Malvino conversam e se divertem. É quando a campainha toca.

MEL: Pode deixar que eu atendo…

Mel abre a porta, e ver Valentina.

MEL: Eu pensei que a senhora nem vinha…

VALENTINA: Senhora não, por favor…

MEL: OK! Valentina… Entra, a gente tá lá no jardim.

Valentina aparece, Ian corre para tirar a cadeira para ela se sentar a mesa, ao lado dele. Todos percebem o clima de romance no ar.

CLARICE: Gente, eu tava pensando, e decidi o que quero fazer da vida…

GALE: Ser a mulher do meu pai?

Todos da mesa ficam constrangidos. Mel dá um empurrão na perna de Gale.

GALE: Tá! Desculpa, não queria dizer isso, foi apenas uma brincadeira. Na verdade vocês dois podem ficar juntos, é melhor do que meu pai ficar solteiro pro resto da vida… Mas o que você quer fazer Clarice?

CLARICE: Quero ser policial.

Malvino e Valentina ficam surpreendidos, assim como os demais. Porém, felizes.

CENA 05 – CADEIA FEMININA – DIA.

Janaína estava na sua sala, de aparência acabada. A porta da sela se abre. Ela olha, é ver Maya, vestida com um uniforme de polícia. Janaina coloca as mãos na boca para tentar desfaçar os espanto.

MAYA: Pensou que eu estivesse morta?

JANAÍNA: Mas você foi encontrada carbonizada…

MAYA: Realmente você não me conhece…

CENA 06 – FLASHBACK

Maya volta correndo para dentro da Boate, desesperada. Ela nota o corpo de uma das garçonetes desmaiada no chão. Ela começa a tirar todos os pertences da garota desacordada, e coloca os seus. Maya começa a correr para os fundos da boate, a fumaça já começava a encher seus pulmões, as chamas altas. No momento que ela consegue chegar no fundo das boates, o local explode.

CENA 06 – CADEIA FEMININA – DIA

Janaína surpresa com as revelações.

JANAÍNA: O que você vai fazer comigo?

MAYA: O que eu deveria ter feito,  quando descobri que vocês tavam armando um boicote contra minha pessoa…

Maya retira a arma que estava no coldre.

MAYA: Poderia lhe matar com um tiro, porém, ia ser rápido demais para você… Por isso trouxe isso (ela retira uma injeção com insulina) Você sabe que uma dose alta de insulina no sangue pode causar Hipoglecemia e até a morte… Por isso essa foi a tua forma de morrer…

Maya pega a injeção de insulina, Janaina ainda tenta se defender, porém Maya aplica no pescoço de Janaina, que começa a se debater no chão, até morrer.

A imagem congela em Maya saindo da sela de Janaína.

valeapenaverdenovo

12 thoughts on “Anjos na Escuridão – Capítulo 08

  1. E vamos ao #MyAnalysis✌

    Savana estava viva, seduziu o policial Ricardo e depois o matou, isso é que é rainha

    Clarice decide ser policial, arrasou garota! 👲

    O delinquente matou o Glay! 😭😭😭

    Mas o destaque do capítulo foi a gente descobrindo que Maya Diaba estava viva e ela invandiu a cadeia e matou a Janaína

    Por que tem duas cenas 6?

    Capítulo divino
    Parabéns, Manon!

    E vamos hitando o GIF!

    Curtir

  2. Os três comentaristas que acertaram quem era a mãe da Mel tiveram participações trágicas, Manoel não teve piedade😛 Maya, obviamente sobreviveu, e se deu ao trabalho e correu o risco de ir até a cadeia só pra matar a Janaína. A rainha é louca. E Lua, melhor who. O desfecho dela :*

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s