O Que a Vida me Roubou

Capítulo 96, segunda-feira, 12 de junho

Carlos Torres, o novo embaixador da Argentina, ao ver Nadia, decide chamar Pedro para lhe avisar que conheceu uma pianista que se parece com a sua primeira esposa. Pedro pede a ele que investigue mais dessa história. Alessandro, em coma, tem um sonho onde Lauro, o pai de Montserrat, lhe pede perdão. Ele se lembra de seu acidente do avião com Nádia e Vitor. Jose Luis termina de brincar com Laurinho e Montserrat se mostra feliz de ver como seu filho se diverte tanto com ele. José Luis diz que deseja dar todo o apoio necessário para Laurinho, pois juntos os três poderiam ser felizes. José Luis pede Montserrat em casamento e ela aceita. Nadia e Victoria vão deixar uma mala com roupa para Victor no hospital. Victoria entra para cumprimentar Alessandro e diz que já não quer que ele siga com os olhinhos fechados, pois muitas pessoas se preocupam muito com ele e ficam tristes. Ela lhe dá um beijo. Montserrat decide ir à praia onde viu Alessandro pela primeira vez para despedir-se. Ela decide colocar seus anéis em uma garrafa, diz que o amará para sempre, e lança ao mar. Alessandro acorda do coma, pega a roupa de Victor, começa a se trocar e sai do quarto, sem ser visto. Victor volta ao quarto e se dá conta que Alessandro não está. Ele sai em busca de Alessandro e o encontra sentado em um banco próximo ao hospital. Alessandro pede para que ele o leve até Montserrat, pois no dia anterior a balearam. Victor pergunta do que ele se lembra, e Alessandro pergunta quanto tempo passou depois do acidente. Victor o diz que já se passaram anos e que eles estão na Argentina. Mônica vai deixar as chaves de seu carro com Demetrio e pede que ele seja muito discreto com o que houve entre eles. Demetrio tenta explicar o porquê de ter falado, mas Mônica não o deixa falar.

Capítulo 97, terça-feira, 13 de junho

José Luis fala com Laurinho do casamento de sua mãe e o pequeno pede para chamar José de pai. Ele aceita. Rosário os observa sem ser vista. Demetrio convida Mônica para o jantar de compromisso de Montserrat. Demetrio pede a Mônica que ignore Graziela, pois sabe que ela não é de seu agrado. Mônica e Demetrio entram na casa e se cumprimentam. Demetrio apresenta Mônica á Carlota, que lhe dá as boas-vindas. Alessandro segue no hospital muito confuso e sem poder assimilar que Montserrat está morta. Ele tem certeza que Pedro Medina foi quem atirou e espera que José Luis já tenha feito justiça, pois a amava tanto quanto ele. Alessandro também espera encontrar sua mãe e seu filho. Pedro chega a Buenos Aires e entra no apartamento de Nádia e Victor, enquanto este coloca Victoria para dormir. Pedro vai até Nádia e coloca um pano úmido em seu nariz para que ela desmaie. Ele agride Victor e foge para longe com a pequena Victoria. Carlota organiza um jantar para que Montserrat e José Luis anunciem seu compromisso nupcial. José pede a Montserrat que se casem na igreja, pois seu sonho sempre foi esperá-la no altar. Montserrat fica insegura. Josefina chega à Água Azul procurando por Rosário e Laurinho para lhes oferecer sua ajuda, pois seguramente estão passando por maus bocados. Demetrio sai para ver quem o chama e ao abrir se assusta com a figura de Josefina. Ele a pergunta o que está fazendo ali. No hospital de Buenos Aires, Alessandro recebe indicações para sua reabilitação. Fazem vários exames nele para descartar qualquer tipo de complicação depois de ter estado tanto tempo em coma. Josefina procura Adolfo em seu apartamento para perguntar se ele sabe algo da mãe de Alessandro. Ele se recusa a ajudá-la sem que lhe dê algo em troca. Josefina se recusa a pagar e sai do local. Montserrat fala com sua tia Carlota sobre o medo que tem de que Laurinho vá esquecendo seu pai, pois José Luis já se transformou em um ídolo para ele. Jose Luis vai procurar Ezequiel para pedir que lhe dê o posto de chefe da polícia e assim ele possa seguir investigando Pedro Medina, que a esta altura já é o governador.

Capítulo 98, quarta-feira, 14 de junho

José Luis vai à casa de Renato e Esmeralda para contar que se casará com Montserrat. Jose pergunta se Renato ainda anda estranho com Esmeralda. Ela responde que sim, já há vários dias, e que parece que ele não tem mais a menor vontade de voltar para a casa. Renato ouve e diz que está cheio das reclamações de Esmeralda. José Luis pede que ela tenha paciência. Pedro fala a Victoria que Nadia logo chegará para buscá-la e aceitará estar a seu lado como uma família. A menina diz que ele não é seu pai. Pedro fica furioso e violento e grita que é o único pai da garotinha. José Luis liga para Robledo e avisa que Ezequiel aceitou colocá-lo no cargo de chefe da polícia. Pedro informa a Amélia que Nadia está viva e que sua filha Victoria está com ele. Amélia o diz que isso é uma grande loucura. Pedro grita que a menina é sua filha e, portanto, é seu direito estar com ela. Ele ainda informa que Nadia ficou cega após o acidente. Graziela vai à casa de Josefina para assim poder dizer seu motivo de voltar para Agua Azul. Josefina se surpreende e fica desconfiada com tamanha boa vontade de Graziela. Graziela fala com Josefina e pergunta se Alessandro está vivo. Ela responde que sim e fala de sua situação. Graziela se surpreende ao saber que por todos esses anos Alessandro esteve em coma. Graziela pede a Josefina que não diga nada disso a Montserrat, pois ela está muito feliz ao lado de José Luis. Amélia fala com Victoria e lhe diz que deve portar-se bem para que Pedro não a machuque. Adolfo sai atrás de uma prostituta que roubou sua carteira. Entre muitas mulheres ele encontra Maria. Surpreso ele se aproxima dela e a pede que suba em seu carro para levá-la para casa. Maria o responde que se deseja que ela o acompanhe até sua casa, o programa sairá mais caro. Adolfo a leva até sua casa e pede que ela descanse, pois dá para perceber que ela está esgotada.

Capítulo 99, quinta-feira, 15 de junho

Amélia pede a Pedro que a permita levar a menina às compras, mas ele não deixa. Amélia insiste, dizendo que a menina precisa de vestidos e também de uma boneca. Victor e Alessandro conseguem o dinheiro para documentos falsos e assim poder voltar para a casa. O homem que havia prometido os documentos chega, saca uma navalha e diz que ambos jamais voltarão para casa, pois essa é a vontade de Pedro Medina. Amélia vai atrás de José Luis para lhe dizer que Nadia está viva e que talvez Alessandro também esteja. José Luis responde que, vivo ou morto, Alessandro não pode reaparecer assim na vida de Montserrat, como se nada tivesse acontecido. Amélia o aconselha a pensar bem no que fará, pois Montserrat pode saber logo que Alessandro está vivo. Ela ressalta que é provável que Nádia, quando chegar a Água Azul, conte a Montserrat. Montserrat fala com Josefina sobre sua volta e fica zangada por ela ter deixado seu irmão justo no momento em que ele finalmente estava se apaixonando por ela, e disposto a tudo. Josefina a responde que precisava de um tempo para ela, e que agora sim está bem e preparada para um amor, que a cure as feridas do passado. Sandro discute com Fabiola porque ela não aceita sentar-se para negociar com Graziela quanto à fortuna de Benjamin. Fabiola diz que a fortuna é toda sua e não a dividirá com ninguém. Graziela, zangada, pede a Sandro que a leve a sua casa, ameaçando comprovar que seu neto é um Almonte e tem parte nesse montante. Mônica pergunta a Renato que ocorreu para que ele tivesse essa atitude com Demetrio, pois ela não quer ser um motivo de desgosto entre eles. Alessandro chega ao hospital, fica feliz ao ver Victor recuperado e pergunta se ele avisou Nadia do ocorrido. Victor o responde que Nadia não estava no apartamento, mas que antes levou sua roupa e uma boneca de Victoria. Ele diz que se preocupou, pois acredita que Pedro a obrigou a ir com ele. Alessandro o pede que se acalme e respire.

Capítulo 100, sexta-feira, 16 de junho

Jose Luis e Graziela falam da chegada de Nádia e do estado em que se encontra Alessandro. José Luis lembra Graziela que não pode deixar Montserrat, pois perderia sua “mesada” mensal, que combinaram tempos atrás. Nadia chega à Água Azul. Pedro a recebe e ela o suplica que ele a deixe ver sua filha. Pedro diz que logo a verá, mas antes precisa convencê-la de que ele é seu único e verdadeiro pai. Martin Becker chega para visitar Victor em sua casa e para saber de Nadia e sua filha. Graziela vai atrás de Pedro em sua casa e ali conhece Victoria. Graziela se surpreende com a beleza da menina e felicita Pedro. Ambos falam da possibilidade de que Alessandro desperte do coma e do perigo que correm com isso. Pedro diz a Graziela que jamais permitirá que Nadia revele esse fato a Montserrat, ainda que pra isso seja necessário usar sua filha. Adolfo leva Maria a uma clínica de reabilitação, para que comece uma terapia. Esmeralda vai a “Escondida” para ver como andam as coisas. Zulema dá as boas-vindas. Nadia se lembra dos momentos que passou com Victor e chora, saudosa. Nadia pede a Pedro que a leve com sua filha, pois deseja vê-la e abraçá-la. Pedro dá a condição de que ela faça Victoria esquecer de Victor e o reconheça como seu pai. Josefina liga para Nadia para lhe perguntar como está. Ela começa a contar que chegando a Água Azul encontrou-se com Montserrat, que acredita que Alessandro está morto. José Luis diz a Renato que não permitirá que ninguém o separe de Montserrat. Renato pergunta o porquê disso. José apenas responde que o amigo não precisa preocupar-se, pois ele estará bem. José Luis pergunta o que ocorreu com Esmeralda. Renato responde que ela anda insuportável ultimamente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s